Leis e serviços fortalecem a inclusão das pessoas com deficiência em João Pessoa

Nesta segunda-feira, 6, o prefeito de João Pessoa, Luciano Cartaxo (PV), e o vereador Marmuthe Cavalcanti (PSD), participaram da solenidade de entrega da ampliação do Centro de Referência Municipal e Inclusão da Pessoa com Deficiência (CRMIPD), no bairro Pedro Gondim. Com a realização dessa obra, aumenta-se a capacidade de atendimento da unidade com novos serviços, como o transporte através de um ônibus adaptado para pessoas com deficiência que frequentam o Centro. O veículo foi entregue durante o evento.

Na ocasião, também foi lançado um edital com 43 vagas de táxis adaptados para prestarem o serviço na Capital. A medida atende ao que determina a Lei Municipal 13.206/2016, de autoria do vereador Marmuthe, criando em João Pessoa o serviço de táxi acessível. A norma determina que um percentual da frota existente seja composta por carros adaptados ao embarque e desembarque de pessoas com deficiência motora, sem a necessidade de serem retiradas de suas cadeiras de rodas.

De acordo com o parlamentar, é fundamental este olhar e estas ações do Poder Público para as pessoas com deficiência. “Acessibilidade sempre foi e sempre será uma das principais bandeiras de luta do nosso mandato. Tenho isso como compromisso de trabalho, atuação política e história de vida. A efetivação da Lei 13.206/2016, indiscutivelmente, trará mais conforto, respeito e dignidade às pessoas que possuem dificuldade de locomoção. E além desse importante benefício, ainda vai gerar novos empregos para 43 taxistas, tornando a cidade mais acessível e com mais oportunidades”, disse Marmuthe.

Durante a solenidade o vereador também lembrou outras leis de sua autoria que beneficiam este segmento da população. Como, por exemplo, a Lei Municipal 1.859/2017, que tornou preferenciais todos os assentos instalados nos ônibus de transporte coletivo da capital paraibana, ampliando e garantindo o benefício aos passageiros idosos, obesos, pessoas com deficiência ou mobilidade reduzida, gestantes e pessoas com crianças de colo.

“São medidas e leis como essas que contribuem para melhorar a qualidade de vida de milhares de pessoas, aprimorando políticas públicas relacionadas à acessibilidade em nosso município. Continuarei esse trabalho na Câmara e em todos os espaços onde for possível, apoiando também a realização do Censo do Autismo e a criação do Conselho Municipal das Pessoas com Deficiência. Quem faz parte desse segmento já sabe que pode contar com o nosso mandato, pois estamos sempre na luta”, finalizou Marmuthe.

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.