João Pessoa terá Pré-Parada LGBT+ dia 22 na Casa da Pólvora

Faltando pouco menos de duas semanas da realização da Parada LGBT+, em João Pessoa, os organizadores estão ultimando os detalhes da programação que, em 2019, terá a promoção de uma pré-parada. Além das manifestações culturais, o evento é um movimento não apenas contra a intolerância sexual, mas também a racial e a religiosa. Para empoderar ainda mais o evento, os organizadores pedem que as pessoas enfeitem as fachadas de suas casas, de seus apartamentos, como forma de adesão ao movimento, sem precisar estar presente fisicamente.

A Parada LGBT+ de João Pessoa chega à sua décima oitava edição no dia 29 de setembro. Para comemorar essa maioridade, os organizadores decidiram realizar uma pré-parada, que será realizada no dia 22, com uma série de eventos culturais. As atividades culturais serão concentradas no Parque Cultural Casa da Pólvora, no conjunto do Centro Histórico da capital paraibana.

A presidente da Empresa Paraibana de Turismo (PBTur), Ruth Avelino, disse que a Parada LGBT+ é um evento que força a reflexão das pessoas sobre comportamentos e, principalmente, o respeito à opção sexual das pessoas. A executiva apoia integralmente esse tipo de manifestação, como forma de alerta à sociedade para entender de uma forma melhor as mudanças. “É preciso avançar para muitas questões sociais e esses eventos são propícios para essa reflexão e entendimento”, afirmou.

A pré-parada vai promover uma exposição de fotos em alusão aos 18 anos da Parada LGBT+. O evento abre a semana que antecede ao evento realizando uma série de 11 atrações e um concurso cultural drag da Parada, com contará com mais oito candidatas ao título de Drag da Parada 2019, totalizando 19 atrações. A programação terá início a partir das 15h. A estimativa é de que cerca de quatro mil pessoas devem prestigiar o evento, o dobro do público do ano passado.

Na programação estão os artistas DJs Aly, Yorran, Rick Mala, Mermaid, Nick Umbeer, integrantes da bareria da Escola de Samba Unidos do Róger, Vaquinha Elvira, entre outros.
A Parada LGBT+ terá a concetração na orla da praia do Cabo Branco, em frente à sede da Federação do Comércio. A saída dos trios está prevista para às 14h, seguindo para o Busto de Almirante Tamandaré, na divisa das praias do Cabo Branco e Tambaú. O evento contará com 15 atrações, mais a presença VIP de pessoas ilustres para a comunidade LGBT. A estimativa é de reunir mais de 40 mil pessoas.

Entre as atrações principais estão a paraibana Val Donato, que participa pela primeira vez da Parada. A cantora Lorenna Simpson vem direto de São Paulo com seus hits que contagiam o público e a cantora Amannda, que é brasileira e vem fazendo carreira internacional. A artista sairá de João Pessoa após o evento direto para Tailândia, onde terá seu próximo show.

João Pessoa terá Pré-Parada LGBT+ dia 22 na Casa da Pólvora

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.