João Azevêdo diz que não vai renunciar: “Fui eleito pelo povo da Paraíba”

O governador João Azevêdo disse nesta segunda-feira (23) que não vai renunciar ao cargo. “Não pretendo renunciar. Fui eleito pelo povo da Paraíba e não tenho receio de prestar esclarecimentos assim que souber de que me acusam”, declarou durante coletiva onde anunciou medidas em relação a saúde pública na Paraíba diante dos últimos desdobramentos da Operação Calvário.

Ele falou sobre a campanha de 2018 e disse que ela foi direcionada para ser feita com recursos do fundo partidário.

“A campanha de 2018 foi direcionada para ser feita com recursos do fundo partidário e a prestação de contas foi aprovada. Se alguém se aproveitou do momento político para agir de forma errada, terá que responder. Eu não tenho preocupação com isso e até o presidente do PSB disse que vai à Justiça pedir o dinheiro de volta”.

o governador disse que não vai fazer avaliação sobre quem quer que seja nesse processo.

“Não serei eu a apontar quem fez isso ou aquilo, porque eu não sei. Cabe à Justiça e ao MP apurar o que houve”, afirmou.

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.