Governo gasta R$ 43 mil para enviar fotos de Dilma

O governo abriu nesta sexta-feira uma licitação para contratar uma empresa fornecedora de canudos de papelão, para embalar as fotografias oficiais da presidente Dilma Rousseff com a faixa presidencial.

O Planalto decidiu enviar 12.000 fotos da presidente "para todo o Brasil" que irão substituir as fotos do ex-presidente Lula em repartições públicas.

Em Brasília, essas imagens já foram distribuídas. Agora, a missão é distribuir pelos outros 26 Estados –uma média de 461 fotos por Estado.

O custo da licitação dos canudos está estimado em R$ 43 mil. Fora isso, há o custo não divulgado da impressão das fotos e do envio às repartições.

Segundo a Secretaria de Imprensa da Presidência, "historicamente, as fotos dos presidentes são distribuídas aos órgãos que fazem a solicitação".

Em 2003, afirma a Presidência, foram enviadas 14 mil fotos de Lula. No segundo mandato, 11 mil.

Não existe qualquer legislação que determine que um quadro com a foto da presidente deva ser pendurado nas salas de funcionários públicos.

 

Folha Online

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.