Notícias de João Pessoa, paraíba, Brasil

Governo comemora 60 anos do Correio das Artes e lança Projeto Itinerarte

Facebook
Twitter
WhatsApp
Telegram

O Governo da Paraíba através das Secretarias da Educação e Cultura, e da Comunicação Institucional e Jornal A União, lançou na noite de ontem, com a presença do governador José Maranhão, a edição de aniversário dos 60 anos do suplemento cultural Correio das Artes. Na mesma solenidade, foram lançados o Projeto Itinerarte, o Concurso Nacional de Conto e Poesia e o Concurso de Redação para alunos de escolas públicas e particulares de 1º e 2º graus da Paraíba. O evento, aberto ao público, aconteceu às 19h30, na Fundação Casa de José Américo, localizada, na avenida Cabo Branco.

O governador José Maranhão prestigiou a noite dedicada aos 60 anos do Correio da Artes e à cultura. O evento reuniu cerca de 600 convidados entre poetas, escritores, jornalistas, artistas, políticos, empresários, e contou ainda com as presenças de dois acadêmicos da Academia Brasileira de Letras, Arnaldo Niskier e Murilo Melo Filho, amigos do superintendente de A União, Nelson Coelho. O presidente da Academia Paraibana de Letras, Juarez Farias, também marcou presença na solenidade que teve atrações como o poeta repentista Oliveira de Panelas e o grupo “Tamborete”.

Maranhão afirmou que o evento se traduzia em um momento muito significativo para a cultura paraibana. “Nós estamos comemorando 60 anos da fundação de um suplemento literário dentro do jornal ‘A União’, que é o mais antigo da Paraíba e o terceiro mais antigo do país. A União tem relevantes serviços prestados à cultura paraibana e é o único jornal a ter um suplemento literário com tanta longevidade”, declarou o governador.

Na mensagem do governador Maranhão que abre a edição especial do Correio das Artes, ele revela que o suplemento que conquistou prêmio nacional em 1981, detém inegável prestígio nos meios literários e artísticos do país. “Publicação que dignifica as tradições culturais do nosso Estado, o Correio das Artes é um patrimônio que deve ser preservado como uma das mais admiráveis conquistas da intelectualidade paraibana”, acrescentou o governador.

Sales – Ao falar em nome do Governo da Paraíba, por delegação do governador Maranhão, o secretário da Educação e Cultura, professor Francisco Sales Gaudêncio, afirmou: “É muito agradável celebrar 60 anos quando você cultiva, estimula as idéias. É isto o que o senhor governador José Maranhão tem feito nos últimos anos. 

A secretária de Comunicação Institucional do Governo, jornalista Lena Guimarães, integrou a mesa de autoridades no evento e reafirmou o compromisso do governo Maranhão com os que fazem as artes e a cultura no Estado. Os imortais da Academia Brasileira de Letras, Arnaldo Niskier e Murilo Melo Filho também fizeram uso da palavra enaltecendo a dimensão cultural do Correio das Artes.

O diretor superintendente de A União, jornalista Nelson Coelho, revelou que a noite era histórica para a cultura e a intelectualidade paraibana. Destacou ainda que o jornal presta um serviço republicano da maior importância para a história e para a cultura, que é manter durante 60 anos um suplemento literário que honra as tradições culturais da Paraíba e é disputado pelo Brasil inteiro. Nelson Coelho revela em sua mensagem na edição comemorativa que o Correio das Artes abrigou as mais diversas tendências culturais existentes no país. Esteve sempre antenado com o que de melhor foi produzido na cultura nacional, publicando os mais diversos autores de forma plural e criteriosa. Coube ao atual editor do Correio das Artes, poeta Antonio Mariano, anunciar a entrega de homenagens a dezenove ex-editores do suplemento e familiares que representaram os já falecidos.

O número especial da revista cultura Correio das Artes contém poemas, contos, textos de crítica de cinema e literatura, depoimentos de leitores, colaboradores, escritores, personalidades do meio intelectual e acadêmico, autoridades governamentais e ex-editores do suplemento a respeito da importância do Correio das Artes para a cultura nacional.

O concurso de redação tem como tema os autores paraibanos Augusto dos Anjos, José Américo de Almeida, José Lins do Rego, Paulo Pontes e Ariano Suassuna. Ocorreu ainda o lançamento do selo comemorativo (Correios e Telégrafos); a entrega de Placa Comemorativa a 19 ex-editores e a familiares do jornalista Edson Regis e do advogado Silvio Porto, fundadores do Correio das Artes.

O Correio das Artes, suplemento cultural do jornal A União, foi fundado em 27 de março de 1949 pelo poeta e jornalista pernambucano Édson Regis, seu primeiro editor. Desde seu número inaugural manteve o objetivo de contribuir com a literatura e a arte do Brasil, divulgando escritores e artistas e revelando novos valores.

Nestes 60 anos, passaram pela editoria do Correio dezenove nomes da literatura e do jornalismo. O suplemento teve um bom momento de prestígio nacional quando recebeu o prêmio de Melhor Divulgação Cultural em 1981 concedido pela Associação Paulista dos Críticos de Artes, sob a editoria do poeta Sérgio de Castro Pinto, passando a integrar, também, nessa fase, o acervo da Modern Language Association of America (USA), órgão que cataloga as principais publicações do mundo.

Prestigiaram o evento o secretário da Educação e Cultura, Sales Gaudêncio, o secretário da Casa Civil, José Ricardo Porto, o secretário das Finanças, Marcos Ubiratan, o subsecretário de Cultura, Flávio Tavares,  o presidente da Fundação Espaço Cultural, Maurício Burity,  a presidente da Fundação Casa de José Américo, Letícia Maia, o presidente do Iphaep, Damião Ramos Cavalcanti, o superintendente da Rádio Tabajara, Ruy Leitão, dentre outros convidados, além dos deputados estaduais Gervásio Filho e Olenka Maranhão.

Tags

Leia tudo sobre o tema e siga

MAIS LIDAS

Arthur Urso leva “esposas” para passear sem roupa íntima na orla de João Pessoa

Professores da UFPB desistem de candidatura e apoiam Terezinha e Mônica

Anteriores

f6e0316c-7fcf-455c-97a6-45997afb091b

Relatório de Efraim à PEC que criminaliza o porte de drogas é aprovado no Senado

camaradiasdavila

Vereadores de município baiano aprovam reajuste de R$ 0,46 para professores

chuvasjp (2)

João Pessoa tem média de 29 mm de chuvas em 24 horas, mas sem ocorrências graves

alpbabre (1)

ALPB garante acompanhantes para mulheres em procedimentos médicos com sedação

odonecico

Sancionada Lei que proíbe fogos de artifício com estampido em João Pessoa

1713220734661dac7e30ef1_1713220734_3x2_lg

Unimed manda cancelar plano de saúde de idosa de 102 anos

alph-ufpb (1)

Caso Alph: Ex-namorada é julgada pela morte de estudante da UFPB

Unimed JP 1

Unimed JP abre seleção para médicos atuarem em unidade de serviço domiciliar

Gervásio Maia, deputadoo

Projeto de Gervásio quer garantir fornecimento gratuito de repelentes para inscritos no CadÚnico

Vitor Hugo e Wallber Virgolino

Vitor Hugo diz que se Wallber entrar em bairro de Cabedelo será metralhado; deputado reage