Gilson diz que crítica de vereadores ao Centro de Convenções é irresponsável

Mesmo sendo feriado, o superintendente da Superintendência de Obras do Plano do Desenvolvimento da Paraíba (Suplan), Gilson Frade, não descansou hoje, dia de Corpus Christi. Pela manhã, ele esteve visitando a construção do Mercado Multiuso em Tambaú e a conclusão do Hospital Clementino Fraga. Gilson Frade fez questão de fiscalizar as obras pessoalmente e levou consigo dois técnicos da Suplan, um para supervisionar a parte elétrica e outro para observar os pontos relativos à construção civil. Frade ficou otimista com a visita. Segundo ele, as obras estão adiantadas e vão ser entregues dentro do prazo.

Na construção do Centro Multiuso em Tambaú estão sendo investidos mais de R$ 900 mil (R$ 901.536,88). A Suplan estima que a obra seja concluída no mês de julho. Já na conclusão do Hospital Clementino Fraga, estão sendo investidos mais de R$ 9 milhões (R$ 9.303.274,72) e a expectativa é que a obra seja inaugurada no dia 18 de junho. De acordo com o superintendente da Suplan, os trabalhos na unidade hospitalar está na fase de retoques finais.

De acordo com Gilson Frade, a Suplan se ente orgulhosa ver que as obras estão prestes a serem concluídas. Segundo ele, o Hospital Clementino Fraga começou a ser construído em 2001, na gestão anterior do Governador José Maranhão. Depois a obra passou seis anos em passos lentos. “Intensificamos os trabalhos e agora estamos entregando um hospital que será referência para todo o Nordeste no tratamento de doenças infecto-contagiosas”, destacou Frade, lembrando que no final de semana estará visitando as obras dos hospitais de Itabaiana, Itapororoca e Queimadas que também estão prestes a serem concluídas.
 
Pronunciamento dos Vereadores

Gilson Frade classificou como irresponsáveis, as declarações dos vereadores da Capital que fazem parte da bancada da situação. Ontem, um grupo de vereadores esteve no canteiro de obras do Centro de Convenções de João Pessoa com a justificativa de verificar o andamento dos trabalhos. Em seguida fizeram declarações à imprensa afirmando que a obra estava paralisada e que estaria faltando recursos.

Para o superintendente da Suplan, por uma questão política, os vereadores da bancada da situação estão querendo confundir a população. Segundo ele, atualmente 260 homens estão trabalhando na obra, que está dentro do cronograma. “Desafio qualquer pessoa a me mostrar que a obra está paralisada”, enfatizou Gilson, ao mesmo tempo que convidou os vereadores a visitar as obras do Centro de Convenções de João Pessoa junto com a Suplan para que não fiquem dúvidas sobre o andamento dos trabalhos.

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.