Genésio Gomes é indicado pelo TJ para compor o TRE

O desembargador Genésio Gomes Pereira Filho foi escolhido membro efetivo do Tribunal Regional Eleitoral (TRE), na vaga deixada pelo desembargador Júlio Paulo Neto, para um mandato de dois anos. A indicação pelo Pleno do Tribunal de Justiça da Paraíba ocorreu, por unanimidade, na sessão administrativa de hoje, presidida pelo desembargador Luiz Silvo Ramalho Júnior. A votação foi secreta.

Com a indicação, o Poder Judiciário estadual atende à solicitação do vice-presidente no exercício da Presidência da Corte Eleitoral, desembargador Nilo Luis Ramalho Vieira, na forma do disposto no artigo 120, § 1º, inciso I, alínea “a”, da Constituição Federal, para o preenchimento de vaga em decorrência da aposentadoria do desembargador Júlio Paulo Neto, ocorrido no início do mês.

“Agradeço a confiança e a escolha depositada em mim para exercer este cargo junto ao Tribunal Regional Eleitoral”, disse o desembargador Genésio Filho, após a homologação do seu nome para o TRE.

Biografia – Nascido em Cabedelo-PB, o novo integrante do TRE-PB é bacharel em Ciências Jurídicas e Sociais pela Universidade Federal da Paraíba (UFPB) e membro da Associação dos Diplomados da Escola Superior de Guerra.

Ele ingressou na magistratura em 1970, designado para a unidade judiciária de Conceição. Atuou, ainda, antes de vir para a comarca da Capital, em Queimadas, Itaporanga, Areia e Campina Grande.  Também exerceu a função de juiz corregedor nos períodos de 1983 a 1984; 1987 a 1988; 1991 a 1994.

O desembargador Genésio Gomes Pereira Filho foi empossado como desembargador do Tribunal de Justiça em 2002.

Ele já assumiu a vice-presidência do TJPB por duas vezes. A primeira, durante a gestão do desembargador Júlio Paulo Neto, no período de maio de 2006 a janeiro de 2007 e a segunda, no biênio 2007/2008, na administração do desembargador Antônio de Pádua Lima Montenegro. Atualmente, é membro da Terceira Câmara Cível do TJPB.

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.