Fantástico vai mostrar viagem de vereadores de Santa Rita que acabaram presos; veja

A edição de amanhã do Fantástico, da Rede Globo, terá como destaque o caso conhecido na Paraíba como “Farra das Diárias” e que causou a prisão de 11 vereadores do município de Santa Rita, na região metropolitana de João Pessoa, sob acusação de peculato. O grupo se deslocou para Gramado, no Rio Grande do Sul, com a justificativa de participar de um curso. O Ministério Público da Paraíba, contudo, afirmou que a finalidade real foi turismo e que os parlamentares usaram a tal capacitação como pretexto para receberem diárias da Câmara e custearem seus dias de lazer na Serra Gaúcha.

A prisão dos 11 vereadores se deu em meio à Operação Natal Luz, numa referência ao evento que mais atrai turistas a Gramado no fim do ano, que envolveu a colaboração do Ministério Público do Rio Grande do Sul, encarregado de registrar momentos da estada dos vereadores santarritenses na cidade gaúcha. As imagens serão exibidas pelo Fantástico.

Os vereadores e o contador da Câmara, Fábio Cosme, foram liberados um dia depois da prisão, após passarem por audiência de custódia. Na semana passada, apenas três parlamentares compareceram à sessão ordinária, que não pôde ser realizada por falta de quorum.

A lista dos vereadores presos na madrugada do dia 5 de novembro quando se deslocavam de Recife, onde desembarcaram, para Santa Rita, é a seguinte:

1 – Anesio Alves de Miranda Filho
2 – Brunno Inocencio da Nóbrega Silva
3 – Carlos Antônio da Silva
4 – Francisco de Medeiros Silva
5 – Diocélio Ribeiro de Sousa
6 – Francisco Morais de Queiroga
7 – João Evangelista da Silva
8 – Ivonete Virgínio de Barros
9 – Marcos Farias de França
10 – Sérgio Roberto do Nascimento
11 – Roseli Diniz da Silva

Comentários