Fábio Tayrone vai recorrer para reabrir o comércio e diz que letalidade em Sousa é “baixíssima”

Haverá recurso contra a decisão do juiz Natan Oliveira que proibiu a abertura do comércio em Sousa, derrubando uma norma editada pela prefeitura. A garantia foi dada pelo prefeito Fábio Tayrone, argumentando que a flexibilização das atividades econômicas foi pensada e planejada. Em um vídeo gravado em suas redes sociais, o gestor disse que a taxa de mortalidade pelo Covid-19 no município é baixíssima. Até agora, foram confirmados 209 casos da doença e uma morte aconteceu em decorrência do novo coronavírus.

“Nós adquirimos seis UTIs completas e 10 respiradores portáteis o que nos garante ter no início de julho um aumento de 16 leitos. Com isso e mais um protocolo rígido que versa sobre distanciamento, desoinfecção do comércio, uso de máscaras, distribuição de EPIs, fiscalização… decidimos começar a flexibilizar hoje depois de 21 dias de comércio fechado. A intenção seria reabrir na sexta os bares restaurantes e afins sempre respeitando as normas de segurança e olhando os números com cautela. Nós adotamos o isolamento social desde o dia 17 de março. Infelizmente, essa decisão judicial veio contra nossa decisão e vamos recorrer ao Tribunal porque não agimos de maneira irresponsável”, declarou ele.

Comentários