Escola do Legislativo disponibiliza biblioteca em braille

A Escola do Legislativo, da Assembleia Legislativa da Paraíba, vai dispor de todo
acervo bibliográfico em braille editado pelo Senado Federal. A Escola já conta com vários títulos em braille e o acesso é aberto ao público. Em sua nova sede, a Escola do Legislativo contará com uma biblioteca e uma sala especial para leitura em braille.

A informação é da diretora da Escola, Maria Helena Toscano. Nos próximos dias também estará sendo entregue a nova rampa no prédio-sede do Poder Legislativo, que fica na praça João Pessoa.

A Escola do Legislativo também passa por reformas em sua nova sede, na avenida Pedro I, centro de João Pessoa, onde funcionava o educandário Sagrado Coração de Jesus, ao lado do Senac. A nova sede ainda será entregue oficialmente pelo presidente da Assembleia Legislativa, deputado estadual Ricardo Marcelo (PSDB).

De acordo Maria Helena, a biblioteca da Escola do Legislativo já possui diversos livros publicados em braille, entre eles, a Nova Reforma Ortográfica, o Velho Senado, o Novo Senado, Coletânea de Leis do Servidor Público e a Constituição Federal. A intenção, conforme destacou ela, é que no espaço da nova Escola, que será inaugurada no próximo ano, seja oferecida uma sala com leitura em braille. “Possibilitando assim o acesso aos deficientes visuais. Essa será a nossa conquista: olhar para aqueles pouco lembrados”, afirmou a diretora.

O deputado estadual Ricardo Marcelo afirmou que à frente da Mesa Diretora tem procurando implantar uma política de inclusão social, digital e garantir ao cidadão deficiente visual o acesso à informação, à leitura e à cultura, através da Escola do Legislativo. "Estamos conjugando todos esses esforços em uma mesma direção, num só espaço e com uma só diretriz, que é de respeito ao cidadão paraibano", disse.

A Escola do Legislativo se fez presente no 1º Salão do Livro da Paraíba, realizado na última semana de novembro em João Pessoa. A diretora da Escola participou na ocasião da entrega de coletâneas de livros publicados em braille a cinco entidades paraibanas que prestam serviços aos portadores de deficiência visual.

O convite para a solenidade de entrega das obras impressas pelo Senado Federal foi feito por Florían Madruga, diretor da Secretaria Especial de Editoração e Publicações (SEEP) do Senado e presidente da Associação Brasileira das Escolas do Legislativo (ABEL).

Na Escola do Legislativo da ALPB, com a bidas atividades de formação e informação para pessoas portadoras de necessidades especiais. Paralelamibliografia em braille, serão desenvolvente a essas atividades, a biblioteca manterá um acervo de obras em braille, a partir de doações de instituições.

Durante o Salão, o estande do Senado disponibilizou cerca de 230 títulos, entre eles obras sobre a Paraíba, como ‘História da Conquista da Paraíba e ’30 anos na Paraíba- Memórias Corógraficas e outras Memórias’. Os livros publicados pelo Senado Federal puderam ser comprados por preços a partir de 5 reais.

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.