Efraim promete provar inocência no caso dos fantasmas em 10 dias

O senador Efraim Morais (DEM) retomou ontem sua agenda como pré-candidato ao Senado pela Paraíba e compareceu ao IV Encontro das Oposições, em Guarabira. Em seu discurso, ele comentou as denúncias veiculadas a partir do Jornal Nacional e repercutidas em outros veículos de comunicação a respeito da nomeação de duas irmãs como funcionárias fantasmas de seu gabinete. Para o senador, o caso foi planejado pelos seus opositores políticos para prejudicar sua postulação à reeleição. Segundo ele, os adversários urdiram uma trama para tentar tomar seu mandato, como teriam feito com o ex-governador Cássio Cunha Lima (PSDB).

Ainda no discurso, Efraim ressaltou que tem 27 anos de vida pública e prometeu provar sua inocência em um prazo de 10 dias: "Não vou deixar que manchem minha trajetória", ressaltou ele.

O IV Encontro da Oposição aconteceu ontem à noite no Colégio Nossa Senhora da Luz e foi o primeiro evento ao qual Efraim esteve presente depois das denúncias feitas pelas irmãs Kelly e Kelriany Nascimento da Silva.
 

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.