Deputada destaca mensagem do Papa Francisco aos brasileiros

A deputada estadual Cida Ramos (PSB) usou as suas redes sociais na manhã desta quarta-feira (6) para elogiar mensagem do Papa Francisco enviada ao povo brasileiro, em que solicita dos cristãos “uma participação mais ativa na sociedade como forma concreta de amor ao próximo, permitindo a construção de uma cultura fraterna baseada no direito e na justiça”.

A mensagem do Papa e a postagem de Cida se deu em face da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) que abre oficialmente nesta quarta-feira de Cinzas (6), a Campanha da Fraternidade (CF), que esse ano traz como tema “Fraternidade e Políticas Públicas”.

Em consonância com sua área de atuação, Cida Ramos fez questão de destacar a temática adotada pela CF 2019. “É fundamental que ampliemos a nossa reflexão sobre o tema, de forma que as políticas públicas sejam enxergadas como um meio primordial para assegurar condições elementares na construção e manutenção digna e igualitária da vida em sociedade”, apontou.

Para a deputada socialista, o Papa Francisco acertou ao reafirmar a necessidade de um diálogo democrático. “Isso fará do Brasil uma nação mais fraterna e justa através do estímulo à participação – do povo e não apenas do Estado – em políticas públicas, à luz da doutrina de Deus, para fortalecer a cidadania e o bem comum”, disse. Cida Ramos ainda destacou que o seu mandato estará sempre engajado na discussão e elaboração de propostas que objetivem contribuir para o avanço das políticas públicas.

Leia na íntegra: A Campanha da Fraternidade 2019 tem início oficialmente nesta quarta-feira de Cinzas. Diante de um cenário nacional de incertezas, retrocessos e desigualdades, o Papa Francisco enviou uma belíssima, verdadeira e atual mensagem ao povo brasileiro: “Os cristãos devem buscar uma participação mais ativa na sociedade como forma concreta de amor ao próximo, que permita a construção de uma cultura fraterna baseada no direito e na justiça”. É fundamental que ampliemos a nossa reflexão sobre a temática em questão, de forma que as políticas públicas sejam enxergadas como um meio primordial para assegurar condições elementares na construção e manutenção digna e igualitária da vida em sociedade. O Papa Francisco mais uma vez acerta quando reafirma a necessidade de um diálogo democrático para fazer do Brasil uma nação mais fraterna e justa, através do estímulo à participação – do povo e não apenas do Estado – em políticas públicas, à luz da doutrina de Deus, para fortalecer a cidadania e o bem comum. O nosso mandato estará sempre engajado na discussão e elaboração de propostas que objetivem contribuir para o avanço das políticas públicas.

Nesta Campanha da Fraternidade 2019, a Igreja no Brasil pretende estimular a participação dos cristãos em políticas públicas, à luz da Palavra de Deus e da Doutrina Social da Igreja, para fortalecer a cidadania e o bem comum, sinais de fraternidade.  O texto-base da campanha descreve, entre outros tópicos, sobre o ciclo e etapas de uma política pública e faz a distinção entre as políticas de governo e as políticas de Estado, bem como apresenta os canais de participação social, como os conselhos, previstos na Constituição Federal de 1988.

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.