Notícias de João Pessoa, paraíba, Brasil

Depois de prometer apoio irrestrito a Ricardo, Lígia vira candidata ao Governo

Facebook
Twitter
WhatsApp
Telegram

O presidente nacional do PDT, Carlos Lupi, anunciou o rompimento político do partido com o governador Ricardo Coutinho (PSB), nesta quarta-feira, 11, e tornou pública a pré-candidatura da vice-governadora Lígia Feliciano (PDT) ao Governo do Estado. Lupi garantiu que Lígia tem carta branca do partido para organizar uma aliança partidária que possibilite sua candidatura ao Palácio da Redenção.

“Lígia é nossa pré-candidata a governadora. Nós estamos trabalhando, agora, com as possibilidades de aliança. Tudo que ela precisar para fortalecer o palanque e construir alianças, o PDT está aberto”, disse Carlos Lupi.

A pré-candidatura de Lígia já era cogitada anteriormente e foi um dos motivos que levaram o governador Ricardo Coutinho a permanecer no cargo. No discurso do “fico”, na sexta-feira passada, ele fez várias menções indiretas à falta de confiança, chegou a citar uma tentativa de “dar um cangapé” no governo e, enfático, disse que ele jamais pretenderia exercer um cargo para o qual não foi eleito.

Por outro lado, o dirigente nacional do PDT afirmou ter apreço pelo governador Ricardo Coutinho, mas, alegou que não tem como não reagir a atitude tomada pelo socialista de escantear a vice-governadora, que serviu de aliada por mais de três anos, de forma “grosseira” depois que decidiu não renunciar.

“Ele desconheceu qualquer aliança e ato de lealdade da vice-governadora e do PDT. Foi um desrespeito a uma parceira política e administrativa, e a tudo que ela simboliza foi simplesmente desprezada por ele”, comentou o presidente nacional do PDT, responsabilizando Ricardo Coutinho pelo rompimento político com o PDT.

Segundo ele, o partido vai respeitar e apoiar qualquer que seja a decisão tomada por Lígia Feliciano, que já foi autorizada a deliberar sobre as alianças na Paraíba e buscar apoios partidários para viabilizar seu nome para disputar o Governo do Estado.

A vice-governadora Lígia Feliciano e o deputado federal Damião Feliciano, estão em Brasília, e preferiram não se pronunciar assunto. Eles prometem quebrar o silêncio até segunda-feira, com um pronunciamento.

Estranho – Na sexta-feira, pouco tempo depois de Ricardo Coutinho anunciar que ficaria no Governo, Lígia Feliciano lançou uma nota de apoio “irrestrito” ao socialista e terminou repetindo o slogan da administração do socialista: “Viva o trabalho!”.

Confira a nota emitida por Lígia no dia 6 de abril.

Tags

Leia tudo sobre o tema e siga

MAIS LIDAS

Exaustão, sobrecarga… por que não reconhecemos os nossos limites?

‘Festa da Adoção’ tenta aproximar crianças e adolescentes de pessoas aptas a adotar

Presidente do PT é acusado de cometer etarismo contra Luiz Couto

Anteriores

Karla Pimentel

Prefeita de Conde homologa concurso público

lucassegfuranca

São João de Campina Grande tem monitoramento por drones, ‘supercâmera’ e identificação facial

joao-pessoa-trem-cbtu-cabedelo-santa-rita-divulgacao

Trens urbanos param no feriado de Corpus Christi

WhatsApp Image 2024-05-29 at 17.24.13

Prêmio APCA homenageia Cláudia Carvalho, editora do Parlamento PB

Pesquisa-oculos-2

Procon-JP registra variação de mais de 71% no preço de óculos de sol em nova pesquisa

Comercio-Foto-Divulgacao-Secom-PB-2

Saiba o que abre e fecha em João Pessoa no feriado de Corpus Christi

noname

Campanha Eleitoral: advogado fala sobre uso de Inteligência Artificial e pedido de votos

IMAGEM_NOTA_CIDADA_MAIO_2024_1_OK

Nota Cidadã divulga os ganhadores do mês de maio

WhatsApp-Image-2024-01-19-at-10.42.22

Linhas de ônibus funcionarão nesta quinta e sexta, dias 30 e 31, com frota dos dias de sábado

Médicos Processo seletivo emergencial

Juíza condena Prefeitura de Bayeux a indenizar médica inocentada pelo CRM