Defesa de Livânia vê prisão como “medida extrema” e desnecessária

A defesa de Livânia Farias disse nesta terça-feira (19) que estão estão sendo analisados todos os argumentos dos decretos que estão mantendo a ex-secretária de Administração na prisão.

O advogado de Livânia, Sheyner Asfóra, considera desnecessária a prisão dela, classificada por ele de “medida extrema”.

Ele disse que a defesa ainda não teve acesso a todos os elementos que fazem parte das investigações apesar de já requerido desde o dia 7.

“Iremos demonstrar, de forma técnica e com argumentos fáticos e jurídicos, a desnecessidade da medida extrema requerida pelo MP e adotada pelo Poder Judiciário. Apesar de se requerer oportunidade para a própria Livânia Farias prestar esclarecimentos, não lhe foi concedida esse direito pelo GAECO. A defesa técnica lhe dará voz e exercerá o seu legítimo direito de reação defensiva às acusações que lhe estão sendo dirigidas”, disse em nota o advogado.

Defesa de Livânia vê prisão como “medida extrema” e desnecessária

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.