Custo da construção civil na PB tem alta de 1,06% no ano, segunda menor variação do país

O custo da construção civil da Paraíba registrou em outubro a segunda menor variação no ano do país, de acordo com os dados do Sistema Nacional de Pesquisa de Custos e Índices da Construção Civil (Sinapi), divulgados pelo IBGE nesta quinta-feira (7). A alta de 1,06% só foi maior do que o indicador verificado em Tocantins, de 0,9%.

No último mês, o metro quadrado no estado custou, em média, R$ 1096,55 e se manteve como o segundo mais caro da região Nordeste, atrás apenas do estado do Maranhão, em que a estimativa foi de R$ 1.107.

O gastos com material por metro quadrado passaram de R$ 620,49, em setembro, para R$ 623,76, em outubro, e, desse modo, representaram cerca de 56,8% do total. Já o custo da mão de obra variou de R$ 475,49 para R$ 472,79 de um mês para o outro e abarcou aproximadamente 43,1% do total.

Em relação a setembro, o custo médio total variou 0,05%, enquanto que tendo em vista os últimos 12 meses houve uma alta de 1,99% em outubro. A média desse valor no Brasil foi de R$ 1.155,01, com uma variação de 3,69% no ano.

 

Custo médio m² em moeda corrente e variações percentuais no mês, no ano e em doze meses, segundo as Unidades da Federação – outubro 2019
Brasil, Grandes Regiões e Unidades da Federação Custo médio – moeda corrente (Reais) Custo médio – variação percentual no mês (Percentual) Custo médio – variação percentual no ano (Percentual) Custo médio – variação percentual em doze meses (Percentual)
Brasil 1155,01 0,19 3,69 4,17
Norte 1168,34 0,97 4,13 5,07
Rondônia 1220,63 0,13 5,72 7,2
Acre 1276,24 0,11 3,44 5,03
Amazonas 1144,23 0,25 5,53 6,27
Roraima 1219,97 1,28 3,89 5,93
Pará 1157,89 1,95 4,02 4,94
Amapá 1121,36 0,62 3,01 3,54
Tocantins 1171,82 -0,48 0,9 1,15
Nordeste 1064,44 -0,01 2,61 3,22
Maranhão 1107,91 -0,04 3,77 4,78
Piauí 1089,24 0,54 3,24 4,07
Ceará 1057,92 -0,14 2,18 2,66
Rio Grande do Norte 1036,39 0,01 1,13 1,26
Paraíba 1096,55 0,05 1,06 1,99
Pernambuco 1038,16 -0,17 2,43 2,72
Alagoas 1041,62 0,19 1,9 2,32
Sergipe 985,51 -0,36 1,66 2,04
Bahia 1067,8 0,06 3,19 3,93
Sudeste 1204,23 0,09 3,98 4,13
Minas Gerais 1101,65 0,05 5,76 5,91
Espírito Santo 1049,59 -0,01 3,58 3,58
Rio de Janeiro 1286,33 0,49 5 5,17
São Paulo 1245,47 -0,06 2,67 2,79
Sul 1220,73 0,25 5,47 6,39
Paraná 1188,5 0,08 5 5,7
Santa Catarina 1325,97 0,16 6,24 7,43
Rio Grande do Sul 1173,39 0,62 5,43 6,45
Centro-Oeste 1158,31 0,37 3,02 3,48
Mato Grosso do Sul 1116,19 0,62 2,16 2,25
Mato Grosso 1142,14 0,07 1,41 2,44
Goiás 1145,78 0,77 4,48 4,78
Distrito Federal 1226,34 0,07 3,75 3,86
Fonte: IBGE – Sistema Nacional de Pesquisa de Custos e Índices da Construção Civil

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.