Críticas de Wallber a vereadores geram saia justa e repúdio na Câmara

Uma postagem feita pelo deputado estadual Wallber Virgolino, presidente estadual do Patriota, gerou constrangimento e repúdio de parte dos vereadores de João Pessoa. Em sua rede social, Virgolino fez uma série de perguntas aos seguidores a respeito da postura dos vereadores da capital. Entre os questionamentos, ele queria saber se algum parlamentar havia se vendido ao prefeito em troca de cargos na prefeitura e se havia votado favorável à reforma da previdência municipal “que prejudicou triplamente os servidores”. Além de perguntar, Wallber afirmou ter tido o “desprazer” de conhecer.

Com a postagem, o deputado criou desconforto com três vereadores filiados a seu partido: Marcílio do HBE, Carlão e Tarcísio Jardim, sendo este último especulado como o alvo das críticas de Wallber, que acabou lançando suspeitas sobre os demais.

Na sessão de hoje da Câmara Municipal, o líder de oposição, Marcos Henriques (PT) respondeu ao deputado: ” Não posso dizer que na Assembleia Legislativa tem 36 parlamentares que não sabem o que querem. É equivocada a forma como ele tentou atingir a todos nós. Se ele quiser aprender a fazer oposição dê uma olhada nas minhas redes sociais, quem sabe ele deixa de usar firulas e passa a fazer a boa política. Não preciso andar de cavalo na cidade para fiscalizá-la. Acho que ele deveria denunciar o governo Bolsonaro que desvirtua os temas importantes com polêmicas para não tratar sobre inclusão social, política econômica, habitação e meio ambiente”, afirmou.

Odon Bezerra (Cidadania) e Mikika Leitão (MDB) também reagiram às críticas do parlamentar estadual. “Walber Virgulino com seus arroubos às vezes extrapola os limites. Foi assim na campanha quando ele era candidato a prefeito e atacou a família de João Almeida. Parafraseando o provérbio chines, ‘há três coisas na vida que nunca voltam atrás: a flecha lançada, a palavra pronunciada e a oportunidade perdida’. Mesmo com a liberdade de expressão, precisamos ter freios na língua. Ele perdeu uma ótima oportunidade de ficar calado. Essa Casa precisa ser desagravada”, disse Odon.

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.