Corpos de vítimas de acidente em Minas devem chegar hoje a Patos

A chegada do helicóptero da Marinha do Brasil com os corpos de 11 paraibanos que morreram na última quinta-feira, 28, em um acidente envolvendo uma van e um ônibus em Minas Gerais deve se dar somente hoje de manhã. A aeronave teve problemas para acomodar todos os caixões e embora fosse esperada para chegar a Patos na noite de ontem, não conseguiu cumprir a previsão. De Patos, os cadáveres serão levados em um carro do Corpo de Bombeiros para as cidades de Maturéia e Teixeira, de onde as vítimas eram originárias.

O Instituto de Medicina Legal de Governador Valadares, onde estão os cadáveres dos paraibanos mortos na colisão da van com o ônibus no quilômetro 185, da BR-381, nas proximidades da cidade de Periquito (MG), é de que o enterro seja feito imediatamente por causa do adiantado estado de decomposição dos corpos.

Os familiares das vítimas que estavam em Governador Valadares desembarcaram por volta das 14h40 em Patos, em um voo fretado pelo Governo de Minas Gerais.

Confira a relação de mortos no acidente: José Osivan Costa Monteiro, de 37 anos (conduzia o veículo); José Odiran Costa Monteiro, 29 anos (segundo motorista); Damara Soares da Silva, 13 anos; Luciana Nunes Marçal, 35 anos; Maria Dalva Pereira Araújo, 64 anos; Sidraque dos Santos Rosa, 38 anos; Marli Cavalcante da Silva, 39 anos; Gláuria Pedroso da Gama, 39 anos; Elias Alves Monteiro (idade não informada). Todas essas vítimas morreram no local do acidente.

No Hospital Regional de Governador Valadares, morreram Ivanildo Silva Felinto, de 23 anos, e Wallya Camila Soares da Silva, 16 anos. Também teve morte confirmada Raylon Frisso Oliveira, de 19 anos, passageiro do ônibus.

 

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.