Conselho vai reunir instituições dedicadas ao progresso científico de CG

O Conselho Municipal de Ciência e Tecnologia, a ser instalado nesta terça-feira, 25, às 9h30min, em solenidade marcada para o salão social do Gabinete do Prefeito de Campina Grande, Veneziano Vital do Rêgo, no Palácio do Bispo, vai congregar instituições científicas e universitárias dedicadas ao desenvolvimento científico da cidade, além de órgãos e entidades representativas da comunidade.

 
O secretário municipal de Ciência e Tecnologia, professor Emir Candeia, vai presidir o Conselho, a ser integrado por representantes de instituições como Universidade Federal de Campina Grande (UFCG), Universidade Estadual da Paraíba (UEPB), Fundação Parque Tecnológico, Associação Técnico Científica Ernesto Luís – ATECEL. Também farão parte da sua composição, a Chefia do Poder Executivo, Secretaria Municipal de Ciência e Tecnologia, Secretaria Municipal de Planejamento e Gestão, Câmara Municipal e outros representantes da comunidade.
 
Segundo Emir Candeia, a meta é aglutinar pessoas e instituições que fazem parte das áreas de ciência e tecnologia de Campina Grande e que dão uma efetiva contribuição para o desenvolvimento da cidade nas áreas técnica, científica e educacional.
 
"A iniciativa representa, ainda, o cumprimento de uma promessa feita pelo prefeito de Campina Grande, Veneziano Vital do Rêgo. Assim que ele instalou a Secretaria Municipal de Ciência e Tecnologia, firmou um protocolo de intenções para a instalação do Conselho e, agora, irá concretizar esse novo benefício em favor do nosso município", comentou.
 
O Conselho, criado através de lei aprovada pela Câmara Municipal de Campina Grande, vai ter na prática, segundo Emir Candeia, "o papel de mais uma instância ou organismo voltado para o desenvolvimento econômico de Campina Grande".
 
Os seus membros (titulares e suplentes) terão um mandato de três anos, os quais vão ter, entre outras missões, a tarefa de encaminhar à prefeitura, além dos órgãos estaduais e federais, o que a sociedade realmente necessita em termos de projetos e demandas tecnológicas e científicas.
 
"A prefeitura evidentemente vai atender às demandas dentro das suas possibilidades. Por isso, o Conselho terá um caráter consultivo. As entidades vão levantar sugestões e soluções para as questões referentes ao desenvolvimento da ciência e tecnologia na cidade. Ele vai ter, desta forma, um papel de aglutinador e de liderança", comentou.
 
Quando estiver em funcionamento, as atividades do Conselho acontecerão no Edifício Work Center, 3º. andar, sala 304, na rua 13 de Maio, centro.
 
Composição – O Conselho Municipal de Ciência e Tecnologia terá os seguintes membros titulares: Hermano Nepomuceno Araújo (Secretário Executivo do Prefeito – PMCG), Emir Candeia Gurjão (Secretário Municipal de Ciência, Tecnologia e Inovação), Ricardo Nóbrega Pedrosa (Secretário Municipal de Planejamento), Thompson Fernandes Mariz (Reitor da UFCG), Marlene Alves Sousa Luna (Reitora da UEPB), Francisco Benevides Gadelha (Presidente da Federação das Indústrias da Paraíba – FIEP), Francilene Procópio Garcia (Diretora-presidente da Fundação Parque Tecnológico da Paraíba), João Batista Queiroz de Carvalho (Diretor-presidente da Associação Técnico Científica Ernesto Luís – ATECEL), Péricles Felinto de Araújo (Presidente do Sindicato das Indústrias de Plástico da Paraíba) e Marcos José de Araújo Procópio (empresário do ramo de informática e Secretário de Indústria e Comércio da Paraíba).
 
Atuarão como suplentes: André Ribeiro Barbosa (Procurador do Município de Campina Grande), Mário Wilson de Jesus Fernandes (Coordenador do Projeto Casa Brasil), Alexandre Araújo (Coordenador de Planejamento Urbano), Wellington Santos Mota (Diretor do Centro de Engenharia Elétrica e Informática da UFCG), Aldo Bezerra Maciel (Vice-Reitor da UEPB), Kênia Samara Farias Quirino (Assessora de Programas e Projetos Estratégicos da FIEP), Vicente de Paulo Albuquerque Araújo (Diretor-Técnico da Fundação Parque Tecnológico da Paraíba), Gilmar Trindade Neves (Coordenador de Recursos Humanos da UFCG), Sandro Alves e José Edvan Rocha (empresário dos ramos de plástico, transporte e ótica).
 
 

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.