Cássio diz que aliança com Ricardo quer construir nova realidade política

Durante a reunião política ocorrida neste domingo no município de Cuité, o pré candidato ao Senado, Cássio Cunha Lima (PSDB), afirmou que em nada menos que quatro oportunidades, a população paraibana se manifestou, majoritariamente, contra o projeto de poder que é representado pelo atual governo. O tucano lembrou que no primeiro e segundo turno de 2002 e no primeiro e segundo turno de 2006, saiu-se vencedor dos pleitos contra os candidatos do PMDB.

Para ele, esse posicionamento da população dá mostras que mais uma vez em outubro, por ocasião do pleito para governador, o pré candidato ao Governo do Estado pela oposição, Ricardo Coutinho (PSB), irá enfrentar, um projeto que o povo já reprovou e que certamente vai reprovar mais uma vez porque representa o que é de mais atrasado na política brasileira, em que adversários políticos são desrespeitados, pelo simples fato de serem membros da oposição.

Cássio disse que a aliança política com o ex-prefeito pessoense visa a construção efetiva de um novo patamar de fazer política na Paraíba, abolindo de uma vez por todas, as práticas políticas típicas dos anos 30, onde a perseguição aos não simpatizantes do governo era a marca daquela época remota.

“A Paraíba não precisa brigar em todas as épocas, em todos os estados existem eleições, disputas acirradas, mas, passadas as eleições, geralmente a classe política costuma se unir em prol dos grandes projetos do estado”. Segundo o tucano, “na Paraíba, a intolerância faz com que a Paraíba fique extremamente dividida e a disputa pelo poder não pode ser maior que os interesses da população”.

Para Cássio, a eleição de Ricardo Coutinho irá encerrar definitivamente um capítulo triste da nossa história política, marcado pela perseguição às pessoas humildes e dando fim aos métodos em prática atualmente, irá executar uma política mais solidária onde os interesses públicos sempre estarão acima das questiúnculas políticas.

Estiveram presentes à reunião de Cuité, diversas lideranças políticas da região, entre elas, o ex prefeito Dr. Jaime, o ex candidato a prefeito Péricles Venâncio, os deputados estaduais, Zenóbio Toscano e Assis Quintans, os federais, Efraim Filho e Rômulo Gouveia, o prefeito de Picuí, Buba Germano, os pré candidatos à deputados (as), Léa Toscano, Gilma Germano e Alexandre Urquiza e Edvaldo Rosas, além do senador Efraim Morais, pré candidato a reeleição.

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.