Notícias de João Pessoa, paraíba, Brasil

Cartaxo abre novo Centro POP 24h com leitos para acolher pessoas em situação de rua

Facebook
Twitter
WhatsApp
Telegram

Depois de assegurar kits de higiene, refeições gratuitas nos restaurantes populares, ampliar atendimento nos programas de assistência e ofertar auxílio-moradia para famílias em situação de rua, o prefeito de João Pessoa, Luciano Cartaxo, abriu, nesta quinta-feira (9), o novo Centro Especializado para População em Situação de Rua (Centro POP). A nova unidade irá funcionar no bairro de Jaguaribe, com atendimento 24h, e vai ofertar 20 leitos para acolher pessoas que vivem nesta condição.

O gestor visitou as instalações do segundo Centro POP implantado na Capital e abriu a unidade sem solenidade. “O suporte às pessoas em situação de rua é parte fundamental do plano de combate ao novo coronavírus em João Pessoa. Desde o primeiro momento, um conjunto de medidas foram adotadas para garantir segurança alimentar e reduzir os riscos de contágio. Com o Centro POP 24h avançamos em uma nova fase de acolhimento, que teve início com a oferta do auxílio-aluguel para aproximadamente 200 pessoas”, disse o prefeito.

Além dos leitos, o Centro POP 24h vai ofertar café da manhã e jantar inicialmente para 100 pessoas em situação de rua, número que pode ser ampliado de acordo com a demanda. Além das duas refeições oferecidas no Centro Pop, as pessoas em situação de rua também ganham o almoço gratuitamente nos restaurantes populares. Junto com a primeira unidade e com os restaurantes populares, 100% de quem vive nas ruas terá acesso às medidas de segurança alimentar.

O espaço vai dispor de banheiros e áreas para a higienização dos moradores, que vem recebendo um kit de proteção ao novo coronavírus, com produtos como máscaras e álcool em gel.

Novas medidas – De acordo com o secretário de Desenvolvimento Social, Diego Tavares, outros 20 leitos de acolhida para pessoas em situação de rua serão abertos na próxima semana. “Estamos abrindo mais uma casa para o atendimento exclusivo de pessoas em situação de rua, assegurando novos espaços de acolhimento”, disse Tavares.

Outros programas de atenção social ampliaram a sua capacidade de atendimento durante o período da epidemia, como o Consultório na Rua e o Ruartes. Diego Tavares lembrou a importância da população seguir fazendo um gesto solidário, doando, sempre que possível, alimentos e insumos. “Apenas nos primeiros dias, a Central de Doações recebeu mais de meia tonelada de alimentos, destinados às pessoas em situação de rua e abrigos para idosos de longa permanência”, afirmou.

 

Tags

Leia tudo sobre o tema e siga

MAIS LIDAS

UEPB: uma crise democrática

Confusão continua: TRE nega ter chancelado posse de Raissa Lacerda na Câmara

Anteriores

OAB PB

OAB-PB publica edital de lista sêxtupla para vaga de desembargador do TJPB

PM apreende armas e celulares com facção que planejava ataques em Santa Rita

Presos suspeitos de integrar facção que planejava matar ‘rivais’ em Santa Rita

PM, força tatica

Líder criminoso do Maranhão é preso novamente pela PM em João Pessoa

TCE 2021

TCE aponta excesso de servidores contratados em 44 municípios da PB

caminhaotombado

Caminhão com asfalto tomba em vala da BR 230 em Santa Rita

apreensao1 (1)

Operação cumpre mandados de prisão contra facção criminosa na Paraíba

padrastgo

Padrasto tenta culpar ex-esposa, mas pega 42 anos por assassinato de Júlia

hugomottaeministro

Ministro informa a Hugo que Paraíba deve ganhar novo aeroporto em São Bento

fasfasg

Célio Alves promete recorrer de condenação por violência de gênero

Edicoes-coisas-pra-ajeitar-1_Easy-Resize.com_-1

PGR denúncia Pâmela Bório por associação criminosa nos atos do 08 de Janeiro