Candidato do PSOL diz que partido faz chapa para todos os gêneros

Alinne Simões

O candidato ao Governo da Paraíba pelo PSOL, Nelson Júnior falou hoje sobre a importância de estar concorrendo com uma vice mulher, Ana Júlia Cardoso. Segundo ele, ao contrário de outros partidos que não abrem espaço para as mulheres, O PSOL apesar de ser pequeno, e não ter o número ideal de mulheres pleiteando cargos públicos, não faz distinção e dá oportunidade para todos os gêneros.

“A tendência é só de aumentarmos esse espaço. A mulher precisa participar mais da política, elas já são ótimas como chefes de família, conseguiram um espaço importante na economia, esporte, cultura, e por que não na política?”, indagou Nelson.  “Ana Júlia tem se mostrado uma grande companheira, contribuindo para a nossa campanha. Ela é uma mulher de luta e isso é importante não só para a campanha, mas para o partido”, acrescenta.

Nelson disse ainda que com a inauguração do comitê de campanha do PSOL, marcada para o dia 30 de julho, na praça Coronel Antonio Pessoa, em Tambiá, sua campanha dará o “ponta pé” inicial. O candidato informou que amanhã deve visitar companheiros do movimento sindical e que tem duas entrevistas radiofônicas agendadas para esta semana, uma na quarta-feira, 21, para o Sistema Correio e outra na quinta-feira, 22, para a rádio Campina FM, em Campina Grande.

TAGS

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.