Câmara de Cabedelo recebe pedido de impeachment de Leto Viana

Diversos partidos e entidades da sociedade civil protocolaram na noite desta quinta-feira (10), na Câmara Municipal de Cabedelo, o pedido de impeachmento do prefeito afastado Leto Viana e do vice-prefeito, também afastado, Flávio de Oliveira.

O documento será lido na próxima sessão ordinária, que acontece na próxima terça-feira (15) ou na quinta-feira (17), quando então começa o rito legal de tramitação do pedido.

O documento foi assinado pelo PSOL, PT , PSB, PC do B, Associação Cabedelense para a Cidadania (ACICA), Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Cabedelo (SINDCAB), União Cabedelense de Entidades e Movimentos Sociais (UCEMS), Movimento Nacional de Luta por Moradia (MNLM), Cooperativa de Trabalhadores e Prestação de Serviços e de Produção de Cabedelo (COOPETRAC), Grupo Cultural Tambores do Forte , Movimento Cultural de Cabedelo, o deputado estadual Anísio Maia e o Sindicato dos Portuário de Cabedelo.

A população lotou as galerias da Câmara de Cabedelo. Do lado de fora, uma multidão também acompanhou a entrega do documento.

Leto Viana está preso desde o dia 3 de abril, quando foi deflagrada a Operação Xeque-Mate.

Ele e mais 25 pessoas foram denunciados no último dia 8 pelo Ministério Público da Paraíba (MPPB) por integrar uma organização criminosa, desvelada pela Operação Xeque-mate. Além de Leto Viana foram denunciados a primeira-dama Jacqueline Monteiro França; o presidente da Câmara de Vereadores, Lúcio José do Nascimento Araújo; o radialista Fabiano Gomes da Silva; o empresário Roberto Ricardo Santiago Nóbrega; o ex-prefeito da cidade, José Maria de Lucena Filho; vereadores e servidores municipais.

A denúncia oferecida pelo MPPB foi protocolada no Tribunal de Justiça da Paraíba, e é alicerçada em farto material colhido durante o esforço desenvolvido pela Polícia Federal e pelo Grupo de Atuação Especial contra o Crime Organizado (Gaeco/MPPB).

Câmara de Cabedelo recebe pedido de impeachment de Leto Viana

1 comentário

  • Fernando Soares
    10:07

    Leto e sua quadrilha, devem ser banidos pra sempre da política. É uma vergonha, um descaso e desrespeito com a população.

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.