Cabedelo vai oferecer Cartão Alimentação e distribuir cestas básicas com carentes

Em mais uma ação que busca minimizar os efeitos da pandemia na vida dos cabedelenses, a Prefeitura Municipal de Cabedelo (PMC), por meio da Secretaria de Assistência Social (Semas), vai passar a oferecer o Cartão Alimentação a famílias em vulnerabilidade social e financeira.

O benefício começará a valer a partir do mês de abril, assistindo, neste primeiro momento, a cerca de mil famílias locais, que já estão cadastradas no Bolsa Família, pela Secretaria de Assistência Social (Semas).

Serão investidos, no primeiro mês, cerca de R$ 50 mil com o Cartão Alimentação, no valor de R$ 50/ mês para cada família beneficiada. O critério para a seleção levará em conta a vulnerabilidade social de cada clã, como análise de quantidade de filhos e quantos membros recebem o Bolsa Família do Governo Federal. O Cartão Alimentação será válido nos estabelecimentos cadastrados para compra de itens pertencentes à cesta básica.

Além do Cartão, a PMC também vai entregar 4 mil cestas básicas, em um investimento total de pouco mais de R$ 300 mil.

“Ofertar esse Auxílio Alimentação mensal e entregar essas 4 mil cestas básicas é uma forma de minimizar os impactos econômicos causados pela pandemia a esses trabalhadores. Vamos conseguir colocar comida na mesa, só no mês de abril, a milhares de famílias, ajudando-as a ter o mínimo de dignidade nesses tempos de crises. Com o tempo, vamos estudar uma forma de aumentar o número de famílias beneficiadas, buscando ampliar o Cartão para as mais de 6 mil que são assistidas pelos programas sociais da Semas”, destacou o prefeito Vitor Hugo.

VEJA TAMBÉM

1 comentário

  • Yasmim Amorim Barbosa
    14:39

    Tou muito presivado

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.