Bira repudia intromissão de Maranhão na questão do Aeroclube

O vereador pessoense Bira Pereira (PSB) repudiou o que ele chamou de “falta de espírito republicano” por parte do ex-governador José Maranhão (PMDB), que depois de um longo “estaleiro” reapareceu hoje para compor o grupo de políticos que foi até o Ministério da Defesa para defender o Aeroclube da Paraíba na disputa judicial travada contra a Prefeitura de João Pessoa.

Bira lamentou que a “primeira aparição pública” do ex-governador, na condição de dono de avião e sócio do Aeroclube, fosse para tratar de interesses meramente particulares. “Maranhão, ao invés de apresentar propostas mais propositivas e se integrar à bancada que briga em Brasília por investimentos para a Paraíba e seus municípios, prefere se discutir questões menores”.

Ele lembrou também que hoje o Aeroclube atende apenas uma pequena parcela da população, mas que depois da desapropriação decretada pela Prefeitura de João Pessoa será construído no local um imenso parque verde que atenderá toda a cidade. “É mais uma triste história em que interesses pessoais se sobrepõem aos interesses coletivos”, enfatiza.

Ainda de acordo com o vereador pessoense, esta é apenas mais um episódio da “trajetória política decadente de José Maranhão”, que quando governador construiu um aeroporto em Araruna para seu próprio benefício. “Sem nenhum demérito à cidade, Araruna não tem perfil nem tamanho para ter um aeroporto. Mas como o ex-governador possui aviões, ele construiu um em seu principal reduto eleitoral”, disparou.

Por fim, Bira declara que com mais este episódio, Maranhão demonstra que não está a altura do desenvolvimento que a Paraíba precisa. “Quando todo mundo esperava um comportamento mais republicano do ex-governador, ele reaparece para politizar uma discussão destas. É típico de alguém que como ex-governador quebrou o Estado”, concluiu.

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.