Bira acusa Edir de faltar com a verdade sobre ata do partido

O vereador Ubiratan Pereira (PSB) foi o único socialista a comentar hoje a repercussão do depoimento dado ontem à Justiça Eleitoral pelo secretário de Organização de seu partido, Edir Mendonça. Para Bira, a versão de Edir, segundo a qual a ata partidária foi "forjada" não condiz com a verdade:

"Ele foi incoerente porque esteve nas duas reuniões, tanto em novembro quanto em fevereiro, quando foi ratificada a decisão da reunião passada. Ele havia se pronunciado na imprensa, anteriormente, sobre a nossa decisão e havia confirmado a veracidade dos fatos. Agora, em relação a ata, ele faltou com a verdade", declarou Bira, ao Parlamentopb.

Edir Mendonça disse ontem à Justiça Eleitoral que a ata do PSB foi forjada para proibir que Guilherme Almeida assumisse a Secretaria de Interiorização do Governo do Estado. O secretário afirma que o assunto sequer foi discutid no âmbito partidário no mês de novembro, só chegando à pauta quando mudou o comando do Governo do Estado, em meados de fevereiro.

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.