Arthur e Trocolli Júnior disputam indicação para Conselheiro do TCE

Os deputados estaduais Arthur Cunha Lima (PSDB) e Trocolli Júnior (PMDB) deverão protagonizar, a partir da semana que vem, uma disputa acirrada por um cargo ambicionado por praticamente todos os parlamentares da Paraíba: uma vaga de conselheiro do Tribunal de Contas do Estado. Na segunda-feira, 5, chega à Casa de Epitácio Pessoa o comunicado oficial, encaminhado pelo presidente do TCE, Nominando Diniz, a respeito da vacância do cargo que deverá ser preenchido por indicação dos deputados. Eles não têm prazo para votar a indicação, mas três candidatos já surgiram: além de Arthur e Trocolli, o ex-chefe da Controladoria Geral do Estado no governo Cássio, Luzemar Martins, também está no páreo.

Os candidatos à vaga de conselheiro deverão ser sabatinados antes da escolha do sucessor de José Mariz. Depois, os 36 deputados votam em seu preferido, cujo nome será indicado para preencher a vaga.

A aposentadoria de Mariz estava prevista para acontecer apenas em agosto e causou surpresa aos parlamentares por ter sido antecipada e anunciada na última quarta-feira, 30. O cargo, cujo prestígio se compara ao de um desembargador, tem salário de R$ 22 mil e é vitalício.

Enquanto a Assembleia Legislativa não escolhe o substituto de José Mariz, quem ocupa temporariamente a vaga é o conselheiro substituto Antônio Cláudio.

TAGS

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.