Anísio Maia defende o fim do monopólio dos transportes e criação de mais linhas de ônibus

A ampliação dos assentos no Conselho Municipal de Mobilidade Urbana é apontada pelo candidato a prefeito de João Pessoa pelo Partido dos Trabalhadores (PT), Anísio Maia, como uma das primeiras medidas para transformar a política de transportes públicos da capital. O fim do monopólio resultará no aumento de empresas a explorar o serviço, criação de novas rotas e de veículos ofertados à população. Anísio explicou os impactos da mudança durante entrevista concedida ao programa Rádio Verdade, da Arapuan FM.

Anísio Maia afirmou que, ao ampliar a participação no conselho que aprova as diretrizes para a mobilidade na cidade, será possível tornar os vários segmentos da população devidamente representados. “Nós temos que ter no conselho de mobilidade representantes de toda a cidade. Por exemplo, os motociclistas não estão representados nesse conselho. As pessoas com deficiência e as que andam pelas calçadas também não estão. Então, esse conselho de mobilidade é insuficiente para representar a cidade.”, frisou.

A exploração do serviço de transporte público acessível a mais empresas, na análise de Anísio Maia, trará benefícios práticos para a rotina da população. “Tem que quebrar o monopólio para que a gente tenha mais empresas circulando em João Pessoa. Isso vai resultar em mais ônibus e mais opções de escolha para a população”, afirmou.

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.