Calvário: Advogados Francisco Ferreira e Fábio Galdino são exonerados do Governo

O advogado Francisco das Chagas Ferreira foi exonerado do cargo que ocupava no Governo da Paraíba, Liquidante da Companhia de Desenvolvimento de Recursos Minerais da Paraíba, CDRM/PB. O ato consta na edição desta terça-feira, 24 de dezembro, do Diário Oficial do Estado. Francisco foi preso na terça-feira, 17, durante a sétima fase da Operação Calvário e ganhou a liberdade no sábado, 21, obtendo habeas corpus concedido pelo ministro Napoleão Maia, do Superior Tribunal de Justiça (STJ).

Também foi exonerado na edição de hoje do DOE o advogado Fábio Galdino, que era Liquidante da Empresa Paraibana de Abastecimento e Serviços Agrícolas – Empasa.

Para o lugar de Francisco, foi designado o procurador geral do Estado, Fábio Andrade que vai responder cumulativamente pela função. Em relação a Fábio, o substituto é Hermano Gadelha de Sá.

Fábio Galdino era advogado da empresa Conesul, investigada na quinta fase da Operação Calvário por ter vendido produtos superfaturados para o Governo da Paraíba.

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.