Administrador de fazenda é preso acusado de roubar energia

A Polícia Civil prendeu na noite desta quarta-feira, 17, o administrador da Fazenda Gamela, no município de Sapé, a 80 quilômetros de João Pessoa, acusado de furtar energia. Os peritos do Instituto de Criminalística constataram que a investigação promovida pelo Departamento de Medição e Perdas da Energisa produziu provas do desvio de cerca de 90% da energia utilizada para abastecer o sistema de irrigação da fazenda que era acionado preferencialmente à noite. 

A investigação, iniciada em março deste ano, foi realizada através da instalação de um medidor fiscal na rede de distribuição que abastece o empreendimento. O equipamento fiscalizador registrou consumo médio mensal de cerca de 30.000 kW/h, enquanto no medidor da fazenda não havia registro de consumo.  A fraude resultava no não pagamento de uma conta de consumo no valor médio de R$ 9 mil.  O administrador foi preso em flagrante e levado para a Delegacia de Serviços Concedidos,  no bairro Cristo Redentor, na capital.  

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.