Zé Maranhão não entrega a faixa a Ricardo Coutinho no dia 1º


Mafalda Moura

O governador José Maranhão (PMDB), disse hoje que não vai passar a faixa de governador a Ricardo Coutinho (PSB), pois não estará em João pessoa. O peemedebista informou que vai prestigiar a cerimônia de posse da presidente eleita Dilma Rousseff do PT.

– Já até falei com o vice-governador Luciano Cartaxo, pedindo, e aliás é uma consequência natural, que ele fizesse a transição da faixa por que eu vou participar da posse de Dilma Rousseff que será na mesma hora. Por essa razão e só por essa eu não estarei presente, mas se pudesse estaria por que esse é um ato de civilidade e normalidade democrática.
    
Maranhão acrescentou que não vai disputar a presidência do partido com nenhum colega peemedebista. Segundo ele, a vaga só interessa se for consensual.

– Não vou disputar com ninguém, se não tiver unanimidade e consenso – disse, referindo-se à recente declaração do deputado estadual Trocolli Júnior, que defendeu a condução de um detentor de mandato à presidência do PMDB.

Finalmente, Maranhão assegurou que não pretende desistir da política, nem renunciar a nada, mas disse que ainda não tem projetos políticos em vista.

– Não vou desistir da política, mas também não tenho projetos de candidatura de curto prazo. Acho que política se faz no momento, no tempo, e muda muito, então não quero me lançar a nenhuma candidatura prematuramente. Nem quando cassado no regime político de 64 eu desisti, imagina agora.

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.