Notícias de João Pessoa, paraíba, Brasil

Seis pessoas morrem em São Paulo em decorrência das chuvas

Facebook
Twitter
WhatsApp
Telegram

Seis pessoas morreram em São Paulo em decorrência das fortes chuvas e rajadas de vento que atingiram o estado nessa sexta-feira (3). A velocidade dos ventos, segundo a Defesa Civil do Estado, chegou a 151 quilômetros por hora (km/h) em Santos. Na capital paulista, as rajadas chegaram a 103,7 km/h, recorde dos últimos cinco anos.

Quatro pessoas morreram por conta da queda de árvores, sendo uma em Osasco, uma em Suzano, municípios da Grande São Paulo; e duas na zona leste da capital paulista. Também houve óbito em Limeira, por desabamento de um muro, e em Santo André, devido à queda da parede de um prédio.

As defesas civis e o Corpo de Bombeiros registraram mais de 2 mil chamados em ocorrências em 40 municípios do estado, a maioria por queda de árvore.

A Prefeitura de São Paulo informou que o trabalho das equipes nas ruas foi reforçado para amenizar os impactos causados pelo temporal. Equipes das subprefeituras, da Defesa Civil e agentes da Companhia de Engenharia de Tráfego (CET), em conjunto com a Enel, passaram a madrugada nas ruas para recuperação de áreas afetadas e retomada da regularidade.

Aeroporto

No Aeroporto de Congonhas, segundo informações da concessionária Aena, um jato executivo, modelo Cessna Citation, que vinha de Estrela D’Oeste teve problemas com o sistema de freios durante a aterrissagem no fim da tarde dessa sexta-feira. Não houve feridos, mas os pousos e as decolagens na pista principal foram afetados por cerca de uma hora. Doze voos foram cancelados e 14 alternados para outros aeroportos.

Por conta das chuvas intensas, houve queda de energia no terminal de passageiros. Os geradores foram acionados pela administração e foi possível manter a regularidade da operação. A energia foi restabelecida às 20h48.

Previsão

Neste sábado (4), a capital paulista amanheceu com muitas nuvens, mas sem previsão de chuva. Segundo o Centro de Gerenciamento de Emergências Climáticas (CGE) da prefeitura, a frente fria que provocou os temporais já se afastou para o litoral fluminense. Durante a madrugada, São Paulo registrou chuviscos isolados na faixa leste da cidade. A nebulosidade diminui ao longo do dia e o sol aparecerá. A máxima pode chegar aos 25°C, com as menores taxas de umidade do ar na casa dos 40%.

Para o estado, a previsão, segundo a Defesa Civil, também é de sol entre nuvens. “Não há condições para chuva forte, apenas de garoa em pontos da faixa leste”, diz a nota do órgão.

 

 

 

 

Por Agência Brasil

Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil/Arquivo

Tags

Leia tudo sobre o tema e siga

MAIS LIDAS

Arthur Urso leva “esposas” para passear sem roupa íntima na orla de João Pessoa

Professores da UFPB desistem de candidatura e apoiam Terezinha e Mônica

Anteriores

hospitalpadrealfredobarbosa (1)

Cabedelo: Hospital Municipal passa a atender urgência, emergência, Raio X e Ultrassom

gervasioliderancas (1)

Gervásio debate desafios e oportunidades com principais lideranças políticas e empresariais

ospotiguarasnorio2013

Justiça Federal dá vitória aos potiguaras de Monte Mor em ação contra Funai e União

jorgeca

“Jorge da Capadócia”, primeiro filme mundial sobre São Jorge, entra em cartaz

feretroagassiz (1)

Família, amigos e autoridades se despedem de Agassis Almeida durante velório

sergioqueoroz (1)

Apesar de aceitar vice, Sérgio comenta eventual escanteio e garante que não aceita polarização

micheleramalhofpf (1)

Presidente da FPF organiza encontro entre OAB Nacional e CBF

Centro-Administrativo-pb-640x388

Pagamento dos salários de abril dos servidores estaduais será efetuado dias 29 e 30

daniellafatima (3)

Liderança feminina é tema de painel que reúne senadora, advogadas e desembargadora

dinheiro-ab

INSS começa a pagar primeira parcela do 13º na quarta-feira; veja calendário