Procon mostra diferença de 21% no valor da gasolina na Capital

A pesquisa do Procon Municipal desta semana revela que a gasolina aparece com o menor preço de R$ 2,230 e o maior de R$ 2,699, para pagamento à vista, diferença de 21%. Se o consumidor for pagar a prazo, vai ter que desembolsar um pouco mais para abastecer o tanque, entre R$ 2,239 e R$ 2,799, valor da gasolina aditivada.

Os valores podem ser conferidos na pesquisa de preços dos combustíveis realizada pelo Procon que foi divulgada nesta quarta-feira (3). De acordo com o levantamento, o preço do litro do álcool, diesel e Gás Natural Veicular (GNV) não sofreram mudanças.

A gasolina comum (à vista) mais barata é encontrada no Posto Nossa Senhora de Fátima, localizado na Avenida Santa Catarina (Bairro dos Estados), por R$ 2,230. Já a gasolina mais cara foi encontrada no Posto Világio, nos Bancários, por R$ 2,699, uma diferença de R$ 0,47 em relação ao preço mais barato e variação de 21,0%.

Dos 109 postos visitados, 12 estavam fechados e 52 apresentaram o preço da gasolina abaixo de R$ 2,30. De acordo com a ANP, o valor médio da gasolina vendida na Capital é de R$ 2,384, ficando abaixo da média de Bayeux, Cabedelo e Santa Rita.

Ainda de acordo com levantamento do Procon, o menor preço do litro do álcool, para pagamento à vista, é de R$ 1,68, no posto Aliança, no bairro do Bessa. O óleo diesel não teve reajuste, mantendo o menor preço de R$ 1,840 (à vista) também no posto Aliança. O mesmo aconteceu com o Gás Natural Veicular (GNV), que também manteve o preço da semana passada, com o menor valor do metro cúbico vendido por R$ 1,799.

A pesquisa completa do Procon de João Pessoa pode ser consultada na sede do órgão, localizada na Avenida Pedro I, 331, Centro, ou no link do portal da PMJP. Os melhores preços também são informados aos consumidores através de panfletos distribuídos nos semáforos da cidade.

Menor preço – A cidade de João Pessoa tem a gasolina mais barata do país. De acordo com levantamento da Agência Nacional de Petróleo (ANP), o valor da gasolina vendida na Capital tem preços menores do que o combustível ofertado em estados vizinhos como Pernambuco e Rio Grande do Norte.

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.