Prefeitura exonera do cargo de vice-diretora esposa do suspeito do caso Ana Sophia

Facebook
Twitter
WhatsApp
Telegram

A Prefeitura do município de Bananeiras exonerou do cargo de vice-diretora a esposa de Tiago Fontes Silva da Rocha, investigado pelo desaparecimento da menina Ana Sophia, no distrito de Roma. A esposa de Tiago, que está foragido, era professora da garota.

A informação do afastamento e posterior exoneração da vice-diretora foi comunicada em nota publicada no perfil da Prefeitura de Bananeira no instagram.

“Para o bom andamento dos serviços públicos na escola João Paulo II, após informações trazidas pela Polícia Civil, optamos pelo imediato afastamento e posterior exoneração da vice-diretora”, diz a nota.

A prefeitura diz ainda que desde os primeiros dias tem colaborado com as forças policiais nas buscas por Ana Sophia e com suporte social para a família dela.

“De início, a Escola Municipal João Paulo II foi cedida e transformada em base para as autoridades policiais, local que também serviu para que a prefeitura organizasse a logística de alimentação para as polícias e Corpo de Bombeiros. Como suporte, o fetivo da Guarda Municipal esteve à disposição e o uso de drones auxiliaram nas buscas. No quesito social, estamos garantindo o aluguel social, alimentação, materiais de higiene e apoio psicológico a toda família. Como parte do gesto, disponibilizamos transportes, Semob e GCM para a manifestação que pediu e pede justiça pela menina Sophia. A Prefeitura de Bananeiras está apta para garantir toda e qualquer ajuda que for solicitada, que seja humana e de nossa alçada. O desejo é reiterado de que a Polícia Civil da Paraíba possa concluir toda a investigação o mais rápido possível para que a Justiça seja feita com brevidade”, diz a nota.

Tags

Leia tudo sobre o tema e siga

Anteriores

jucelio

MAIS LIDAS