Prefeito de Paulista diz que não aguenta mais a perseguição de Maranhão

O prefeito da cidade sertaneja de Paulista, Severino Pereira (PTB), disse que a Paraíba não aguenta mais a política perseguidora que, segundo ele, seria a marca do atual governador José Maranhão (PMDB). Segundo ele, Paulista foi um dos municípios que sofreu para renovar o convênio de transporte escolar. Após enfrentar muitas dificuldades e depois de muita insistência do atual prefeito o contrato foi firmado.

“Paulista hoje está isolada do restante da região porque o município não apóia o governo atual, tivemos dificuldades em renovar contrato para transportar os alunos da zona rural para a cidade e outras ações que têm de ser implantadas pelo Estado”, lamentou.

 O prefeito esteve reunido com Ricardo Coutinho na tarde de ontem. Junto com o candidato ao Senado, Cássio Cunha Lima (PSDB), e com candidato a vice, Rômulo Gouveia (PSDB), eles discutiram projetos para os municípios do Estado. “Queremos eleger Ricardo governador esperando uma melhora da Paraíba”, destacou.

TAGS

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.