Oposição promove ato público hoje na capital paraibana

Finalmente hoje, a campanha eleitoral já liberada em todo o Brasil promete ganhar as ruas da capital da Paraíba. A Coligação "Uma Nova Paraíba", encabeçada pelo candidato ao Governo Ricardo Coutinho (PSB) fará, a partir das 15 horas, uma mobilização chamada de "Deixe o povo votar", como forma de protestar contra os diversos pedidos de impugnação feitos pelos advogados da coligação adversária, "Paraíba Unida", que tem José Maranhão (PMDB) como candidato à reeleição. A concentração do protesto acontece em frente à sede da CBTU, no Varadouro. De lá, os manifestantes sairão em caminhada até o Ponto de Cem Réis, onde reivindicarão o direito ao voto.

Na majoritária da Coligação "Uma Nova Paraíba", foram pedidas as impugnações de Cássio Cunha Lima – por causa da cassação de seu mandato no ano passado por conduta vedada -, de Ricardo Coutinho – alegando falta de regularidade na desincompatibilização do cargo público que detém na UFPB – e de Rômulo Gouveia – por causa da reprovação de contas de campanha referentes a 2008.

Cássio Cunha Lima, alvo preferencial dos pedidos de impugnação, declarou que a realização desse ato tem como objetivo dar um basta na judicialização dos pleitos na Paraíba que chegaram a limites extremos com os pedidos de impugnação contra a chapa majoritária das oposições. “Querem ganhar por W.O, mas a população paraibana já emite claros sinais de que não irá aceitar interferências no seu poder de decisão, que é pessoal e intransferível”, concluiu.

Já Ricardo Coutinho argumentou: “Votar é um direito básico democrático. É um direito do povo”. Para ele, a mobilização pelo direito do voto não pode ser considerado partidário. “O movimento é apartidário e tem o objetivo de conclamar a população da Paraíba a dizer que não aceita a perseguição, a mordaça e a política que tenta impedir a povo de se manifestar livremente”, defendeu.

Contra os fichas sujas – Apesar de ter sido anunciado por setores da imprensa, o bloco ligado ao governador José Maranhão (PMDB) não programou para hoje nenhuma movimentação para rivalizar com o "Deixe o povo votar". Em entrevista ao Parlamentopb, o dirigente sindical Arimatéia França, da diretoria do Sindicato dos Eletricitários da Paraíba, informou que hoje será feito o lançamento de uma mobilização em defesa da lei "Ficha Limpa". O ato público, contudo, será realizado apenas na próxima sexta-feira, 23, às 9 horas, no Parque Solon de Lucena. Arimatéia, que integra os quadros do Governo do Estado na condição de assessor especial de Relações com os Movimentos Sociais, enfatizou que o evento não é promovido pelo Governo:

– É um ato não partidário e realizado pelos sindicatos e entidades que defendem a importância da Lei Ficha Limpa. Não queremos que a Justiça Eleitoral seja pressionada ou intimidada por ninguém.

Segundo ele, hoje serão realizadas visitas a várias entidades sindicais e movimentos sociais para solicitar a participação no evento de sexta-feira.

TAGS

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.