Na convenção do PSB, Galdino diz que não aceitará ‘fogo amigo’ na base

Com seu estilo direto, o presidente da Assembleia Legislativa, Adriano Galdino (Republicanos) foi um dos primeiros oradores no início da noite desta sexta-feira, 5, na convenção do PSB e partidos aliados. Adriano elogiou a gestão do governador da Paraíba, João Azevêdo (PSB) que disputará a reeleição e também enalteceu a candidata ao Senado, Pollyanna Dutra (PSB), mesmo assim, garantiu que manterá o compromisso anteriormente assumido de votar no candidato do União Brasil, Efraim Filho.

O deputado aproveitou a ocasião para mandar um recado para os companheiros de grupo político: “Não vamos admitir que companheiros nossos da nossa coligação procurem tomar votos de candidatos dos Republicanos. Se isso acontecer, não iremos aceitar e terá troco. É assim que eu faço política, olhando no olho, dizendo o que eu penso com muita firmeza e determinação”, enfatizou.

“Eu tenho um compromisso pretérito, mas não posso deixar de reconhecer as qualidades desta mulher corajosa, guerreira e que representa muito bem a mulher paraibana. Compromisso é para ser cumprido e palavra é para ser honrada”, declarou o parlamentar que já havia, assim como outras lideranças de seu partido, anunciado o apoio a Efraim, que retribuiu dividindo as bases com o irmão de Adriano, Murilo, que disputa uma vaga na Câmara Federal.

Em seguida, Galdino afirmou que seu sonho era ser vice-governador da Paraíba, mas atendeu a um pedido de João Azevêdo e cedeu a vaga a Lucas Ribeiro do Progressistas. “Eu cedi de coração aberto, na maior tranquilidade e vontade de servir”, finalizou ele.

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.