José Aldemir defende TCM e vota a favor de empréstimo do Governo

O deputado estadual José Aldemir Meireles (DEM) não faz mais segredo de sua dissidência no bloco de oposição. Ele vai destoar da orientação do partido em relação a duas matérias importantes que devem ir ao plenário no dia 30: a extinção do Tribunal de Contas dos Municípios e o pedido de empréstimo do Governo do Estado. Aldemir defende o TCM e também o pedido de empréstimo ao BNDES, ao contrário do que prega o líder de oposição, Manoel Ludgério (PDT).

"Acho que o requerimento do deputado Branco Mendes é inconsequente, apesar dele ser meu amigo. Isso evidencia a incoerência da proposta. A bancada se reuniu, discutiu a sua posição e ainda indicou três parlamentares para conselheiros do TCM. Ricardo Marcelo, Lindolfo Pires e Aguinaldo Ribeiro foram os escolhidos. Eu quando era Governo defendia o TCM e agora, não posso pensar diferente. Não voto pela extinção do TCM em hipótese alguma. Não tem orientação de líder que me faça mudar de opinião. O povo também não aguenta mais ouvir falar em empréstimo. Eu não voto fechado e nem escondido. O povo e as lideranças são a favor do empréstimo", explicou.

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.