Notícias de João Pessoa, paraíba, Brasil

Guerra descarta diálogo com Cartaxo e admite aliança com Cícero

Facebook
Twitter
WhatsApp
Telegram

O presidente estadual do Cidadania, Ronaldo Guerra, descartou qualquer possibilidade de diálogo com o grupo do prefeito de João Pessoa, Luciano Cartaxo, visando o pleito municipal deste ano, deixando aberta a construção de aliança com Cícero Lucena.

Guerra disse que o Cidadania tem duas opções em João Pessoa: lançar candidatura própria ou indicar um vice em algum dos partidos aliados ao governador João Azevedo, citando os pré-candidatos do DEM, Raoni Mendes, do PT, Anísio Maia, PRTB, Eduardo Carneiro, e PTB com Wilson Filho.

O presidente disse que tem como prazo o dia 30 de agosto, data que serão iniciadas as convenções partidárias, para pensar nas alianças locais. Contudo, afastou do debate pré-eleitoral o diálogo com a pré-candidata Edilma Freire (PV), indicada por Cartaxo para disputar a prefeitura da capital. “O PV está fora do arco de alianças com o governador João Azevedo, ficando difícil manter o diálogo”, ressaltou.

Em relação ao pré-candidato do Progressistas, Cícero Lucena, Ronaldo Guerra afirmou que vem conversando com ele ultimamente e é provável uma aliança, com o Cidadania indicando o candidato a vice-prefeito. Ainda que existam problemas políticos em alguns municípios como Cabedelo e Cajazeiras, essas desavenças não interferem no jogo político em João Pessoa.

Tags

Leia tudo sobre o tema e siga

MAIS LIDAS

UEPB: uma crise democrática

Confusão continua: TRE nega ter chancelado posse de Raissa Lacerda na Câmara

Anteriores

PM apreende armas e celulares com facção que planejava ataques em Santa Rita

Presos suspeitos de integrar facção que planejava matar ‘rivais’ em Santa Rita

PM, força tatica

Líder criminoso do Maranhão é preso novamente pela PM em João Pessoa

TCE 2021

TCE aponta excesso de servidores contratados em 44 municípios da PB

caminhaotombado

Caminhão com asfalto tomba em vala da BR 230 em Santa Rita

apreensao1 (1)

Operação cumpre mandados de prisão contra facção criminosa na Paraíba

padrastgo

Padrasto tenta culpar ex-esposa, mas pega 42 anos por assassinato de Júlia

hugomottaeministro

Ministro informa a Hugo que Paraíba deve ganhar novo aeroporto em São Bento

fasfasg

Célio Alves promete recorrer de condenação por violência de gênero

Edicoes-coisas-pra-ajeitar-1_Easy-Resize.com_-1

PGR denúncia Pâmela Bório por associação criminosa nos atos do 08 de Janeiro

operacaocartola

Operação Cartola: Gaeco reconhece a prescrição de penas de dois acusados no caso