Governo está tranquilo com relação à aprovação das MPs na Assembleia

O secretário de Estado de Governo, Lindolfo Pires disse que o governo está tranquilo com relação à aprovação, na Assembléia Legislativa (ALPB), nesta quarta-feira (14), das Medidas Provisórias de nº 185, que dispõe sobre reajuste e define data base do servidor público estadual; MP nº 186, que trata do reajuste no subsídio dos Defensores Públicos; e da MP que trata da fusão das Secretarias da Receita e Finanças.
 
Lindolfo destacou que todas as MPs geram benefícios para o Estado, não existindo motivos que justifiquem que os deputados votem contra. “No caso da fusão das duas secretarias você não está aumentando cargos e sim diminuindo, consequentemente, economizando”, comentou.
 
O secretário revelou não temer nenhum tipo de boicote da base da situação nas votações e também negou que o governador Ricardo Coutinho (PSB) tenha uma relação ruim com os deputados aliados.
 
“Até hoje nunca faltou solidariedade dos deputados da base com o governo. Todas as matérias de interesse do governo, e em prol da população, foram aprovadas. No geral, o Governo e a Assembléia convergem em seus posicionamentos”, sustentou.
 
Lindolfo ressaltou que o governador Ricardo Coutinho mantém uma boa relação com os deputados, realizando audiências coletivas e individuais, sempre que são possíveis, em virtude de sua agenda cheia de compromissos.  Segundo ele, “nunca em nenhum governo foram atendidas tantas demandas e pelo conjunto das realizações todos os deputados se conscientizam que este é o caminho que o Estado sempre sonhou em trilhar”.
 
“O Governo está levando obras e ações administrativas para todo o Estado e, assim, os deputados tem seus pleitos atendidos dentro dos inúmeros convênios celebrados com os municípios. Quando os parlamentares vêm às ações chegando a suas cidades ficam satisfeitos e reconhecem o trabalho do governador Ricardo Coutinho, por isso acredito que a aprovação das MP’s será tranquila”, declarou.

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.