Com expectativa sobre inquérito, Efraim deve se pronunciar amanhã

O senador Efraim Morais (DEM) está vivendo dias de intensa expectativa em relação à sua permanência como candidato à reeleição na chapa encabeçada por Ricardo Coutinho (PSB). Hoje mesmo ele viajou para Brasília para se inteirar do andamento da investigação feita pela Polícia do Senado a respeito das nomeações de duas estudantes como servidoras fantasmas em seu gabinete. Efraim espera que o caso tenha um desfecho, com o envio do resultado das investigações à Corregedoria do Senado.

A decisão de Efraim depende diretamente da atitude do corregedor, Romeu Tuma. Se ele resolver encaminhar o caso ao Conselho de Ética da Casa, o democrata deve desistir da disputa a fim de preparar sua defesa. Ao contrário, se o rumo for o Supremo Tribunal Federal (STF), Efraim deve se manter como candidato, considerando que o STF tem um rito demorado para proceder o julgamento de senadores. Seus colegas Cícero Lucena (PSDB) e Roberto Cavalcanti (PRB) também têm acusações contra si na Côrte e aguardam por anos um posicionamento a respeito das ações às quais respondem.

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.