Cabedelo suspende cirurgias eletivas e libera leitos para pacientes com Covid

 

A Prefeitura Municipal de Cabedelo (PMC), por meio da Secretaria de Saúde (Sescab), suspendeu a realização de cirurgias eletivas não essenciais no Hospital Municipal pelo período de 15 dias. A medida passa a valer a partir desta segunda-feira (22). Já os agendamentos para os procedimentos estão suspensos já a partir desta quinta-feira (18).

Com a interrupção dos procedimentos, 15 leitos ficarão disponíveis para pacientes diagnosticados com Covid-19. A paralisação das cirurgias eletivas é uma medida de prevenção para analisar a evolução dos casos de Covid-19 na cidade portuária.

“Vamos suspender por 15 dias esse tipo de cirurgia para analisar esse período e ver a demanda de casos. Iremos fazer uma reavaliação e identificar se houve aumentos e, caso tenha havido, tratar com todo cuidado necessário. Estamos tomando todas as precauções possíveis para evitar casos graves da doença, e oferecendo à população todos os meios dos quais dispomos para assisti-la de melhor maneira possível”, explicou o secretário de Saúde, Murilo Suassuna.

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.