Áudios: Ricardo desconfiava dos “Feliciano” e ironizava Maranhão por “dormir no Senado”

Três novos áudios gravados pelo delator Daniel Gomes (ex-presidente da Cruz Vermelha gaúcha) de uma conversa com o ex-governador da Paraíba, Ricardo Coutinho (PSB) foram divulgados hoje à tarde pelo programa Correio Debate da 98 FM e criam um imenso constrangimento entre o socialista e alguns de seus ex-aliados políticos. Na conversa gravada por Daniel, Ricardo revela não ter confiança na família Feliciano e também ironiza a candidatura do senador José Maranhão na eleição municipal. Ele questiona o peso eleitorado do líder do MDB paraibano e chega a dizer que “aos 85 anos, ele é ótimo para o Senado porque o Senado é um lugar pro cabra dormir”.

Daniel – Dizem que complicada não é ela [Lígia Feliciano]. Complicado é o marido.

Ricardo – O marido faz… o marido já fez. E o filho é horrível. Tanto é que o filho eu nem deixo entrar na sala onde estou. Porque é pesado o menino. Aí, eu não posso, porque se tivesse um instrumento que dissesse ‘ó, tá aqui, você não pode mudar nenhum membro do governo, eu tocava até dezembro e ela seria governadora’. Ela vai dizer que tudo bem, mas arranjaria uma confusão ou a Cabo Branco faz lá uma confusão. A prefeitura foi o caos porque aquele cara… que era um… sabe? imagine uma pessoa que não… Eu tenho que estruturar tudo. Se eu for sair, eu tenho que pegar a adutora lá não sei de onde, pegar o dinheiro todo e botar na Cagepa…

Maranhão

A grande pergunta é a seguinte: qual o peso real desse povo depois dessa confusão toda. Essa pergunta ninguém sabe. A idade dele… com 85 anos, dormindo em pé. Maranhão vai para o Senado e dorme. Ele é otimo para o Senado porque o Senado é lugar para o cabra dormir.

Comentários