Após AVC, Cardivando de Oliveira será transferido do Trauma para o Metropolitano

O radialista paraibano Cardivando de Oliveira, de 73 anos, foi internado no Hospital de Emergência e Trauma de João Pessoa na manhã desta sexta-feira, 9, depois de sofrer um acidente vascular cerebral (AVC) isquêmico. O quadro de Cardivando é estável, mas por recomendação da neuroclínica que o atendeu recomendou que ele seja transferido para o Hospital Metropolitano Dom José Maria Pires.

Além de radialista por 55 anos, Cardivando Cavalcanti de OIiveira foi vereador de João Pessoa e sempre foi um entusiasta do Carnaval Tradição da Capital paraibana.

Como apresentador de programas de rádio passou 19 anos na Arapuan AM e 34 anos na Sanhauá AM.

Muito ligado à igreja, na infância, Cardivando chegou a pensar em ser padre, mas desistiu da ideia porque à época teria que estudar em Minas Gerais. Depois disso, se interessou pelo rádio através de um serviço de altofalante que funcionava na Torre e era comandada por Manoel Alexandre na Difusora Luso-Brasileira na década de 60, onde passou a trabalhar já adolescente. Pelo bom desempenho, foi convidado para a Arapuan. “Aí começou uma paixão imensa pelo rádio, coisa que tenho até hoje”, disse ele em entrevista ao jornalista Ytalo Kubitschek no programa Memória PB.

VEJA TAMBÉM

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.