Anastácio desautoriza Couto a lançar-se candidato e apoiar Ricardo Coutinho

Cláudia Carvalho

O superintendente do Incra na Paraíba, Frei Anastácio (PT) reagiu hoje ao lançamento do manifesto assinado por 400 petistas que defende a candidatura de Luiz Couto (PT) ao Senado Federal. Anastácio criticou o evento e disse que a estratégia do deputado foi "um tiro no pé". Apesar de reconhecer a existência de uma resolução petista, assinada pela Executiva Estadual em março, Anastácio diz que Couto foi precipitado e desobedeceu as regras estabelecidas pelo partido:

"Esse lançamento foi um verdadeiro tiro no pé. Existia uma resolução que apontava para a candidatura de Luiz Couto ao Senado. Apontar não significa decidir. Luiz Couto foi precipitado e desobedeceu o que prega a Executiva Nacional porque 2010 só se discute em 2010. Nosso partido defende a manutenção da aliança com o governador José Maranhão. Couto está desautorizado a abrir essa discussão antecipada e o partido vai reagir a isso", declarou.

Ainda segundo Anastácio, uma reunião mantida por ele com lideranças petistas da região de Aparecida aprovou o repúdio à pré-campanha de Luiz Couto ao Senado, fazendo dobradinha com Ricardo Coutinho (PSB).

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.