Zé Mário aponta nomeações de seis integrantes da chapa de Odon Bezerra

O presidente da OAB da Paraíba, José Mário Porto, candidato a reeleição pela chapa Anaça OAB, apontou ontem exemplos da acusação que faz ao adversário, Odon Bezerra, da chapa "Um novo tempo", de relação direta com o Governo do Estado. As denúncias foram feitas ao vivo, durante entrevista concedida ao programa Rede Verdade, apresentado por Giovanni Meireles e Marconi Ferreira.

“A chapa de Odon à OAB é a chapa oficial do governador. Nem na época da ditadura militar a nossa entidade passou pela interferência de gestores públicos em suas ações. Esta chapa foi articulada nos gabinetes palacianos, sob o acompanhamento direto de secretários de Estado”, sentenciou Porto.

Zé  Mário citou a edição de 3 de março do Diário Oficial do Estado em que foram publicadas as nomeações de seis integrantes da chapa "Um novo tempo" para cargos comissionados na atual administração estadual, inclusive para o gabinete do governador, e até mesmo parentes de Odon Bezerra.

O presidente acrescentou que vários outros advogados que também compõem a chapa de oposição e são sócios de membros proeminentes do Governo, além do caso da deputada estadual Nadja Palitot, que, na condição de parlamentar, compõe a base aliada de José Maranhão na Assembleia Legislativa da Paraíba. Aliás, o governador não teve reservas em declarar publicamente em entrevista à imprensa que a chapa encabeçada por Odon Bezerra para o pleito da OAB é “a nossa chapa”.

Por fim, Zé Mário ainda questionou a coincidência entre o próprio nome da chapa adversária e o slogan do atual Governo, que nada mais são do que idênticos. “A mesma agência de mídia deve estar fazendo a campanha de Odon e a publicidade do Governo Estadual”, afirma Porto. E conclui: “O que há de novo numa chapa composta por Marcos Caju, Bruno Veloso e Nadja Palitot? Esta chapa deveria se chamar De volta para o passado”.

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.