Wilson Santiago discursa em defesa de José Sarney

Para o deputado e vice-líder do Governo, Wilson Santiago (PMDB/PB), afrontar a história do Senador José Sarney é "aterrador, devido ao perigo de subtrair o poder de um Presidente do Congresso Nacional com tamanha envergadura". Santiago foi à tribuna do plenário da Câmara dos Deputados na tarde desta terça-feira, 7, para discursar em defesa do Presidente Sarney diante das denúncias administrativas daquela Casa.

Santiago declarou que a crise é de responsabilidade dos Senadores de todas as legislaturas daquela instituição, agitada com irresponsabilidade para escandalizar a opinião pública. "A intenção nítida é a de desequilibrar um Governo responsável que desenvolve o País com um desempenho capaz de enfrentar a maior crise que o capitalismo já sofreu em toda a sua existência: o governo do Presidente Luiz Inácio Lula da Silva". O deputado foi pontual ao sugerir que cada Senador reflita a respeito do fato de que "somente o Presidente José Sarney possui autoridade moral e democrática suficiente para continuar a conduzir o Senado em um momento em que aquela instituição passa por esse período de perigosa turbulência".

Santiago foi altamente contestador ao questionar a responsabilidade imposta ao Senador Sarney pelo acúmulo de erros cometidos por outros, no passado. "Respeito a todos os Senadores da República, mas é o que se vê é uma injustiça contra um cidadão que tanto tem feito pelo País. Pelo Senado Federal tem passado homens notáveis, um vasto elenco de experiências que contribuíram para que este País fosse se transformando na grande Nação de que todos nos orgulhamos. Com certeza, dentre esses homens notáveis, hoje, o Presidente José Sarney é o maior dos que ali estão. Respeitemos o Brasil, respeitemos a história de José Sarney. O futuro da Pátria saberá agradecer", encerrou o Deputado em seu discurso.

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.