Wilson Filho revela que pai foi apelidado de “senador geladeira”

O deputado federal Wilson Filho (PMDB) revelou hoje um fato pitoresco do cotidiano da política paraibana. Segundo ele, a situação de indefinição do pai, Wilson Santiago (PMDB), cuja saída do Senado é aguardada depois que o ministro Joaquim Barbosa concedeu o registro de candidatura do ex-governador Cássio Cunha Lima (PSDB), mais votado para o Senado Federal, gerou a criação de um apelido para o peemedebista na capital federal. Santiago estaria sendo chamado de "senador geladeira" pelo fato de se manter tranquilo enquanto muitos especulam sua saída do cargo. Ele também negou que seu pai esteja usando de artifícios jurídicos para atrasar a posse de Cássio.

– Estamos muito confiantes e não estamos tentando atrasar a posse de ninguém. Wilson Santiago nem entrou no processo. Ele não é parte. As acusações de que ele estaria postergando a posse de Cássio são mentira. Ele não é parte e não atrasa ninguém. O PMDB e os demais autores de recursos estão a favor da Justiça. Mesmo o ministro Luiz Fux que disse não ao Ficha Limpa, disse sim à lei 6490 e impediu a posse de Marcelo Miranda no Tocantins porque ele foi cassado com base na lei 6490. É esse nosso argumento. A posição de Wilson Santiago é de confiança e espera. Estão chamando ele de "senador geladeira" porque está todo mundo falando e ele fica centrado no trabalho. Ele vai mostrar serviço em oito dias ou em oito anos. Nossa expectativa é que se faça Justiça e que o melhor senador continue no cargo.

TAGS

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.