Notícias de João Pessoa, paraíba, Brasil

Wellington Roberto diz ter sido agredido por militantes do PSB

Facebook
Twitter
WhatsApp
Telegram

Campina Grande que já registrou sábado passado um conflito entre policiais militares e federais por conta de uma suspeita de crime eleitoral no bairro São José, voltou a ser cenário de um outro episódio faltando seis dias para as eleições do segundo turno para o Governo do Estado. Na noite deste domingo, 24, aconteceu uma confusão envolvendo o coordenador da campanha do governador peemedebista, deputado federal Wellington Roberto (PMDB) e correligionários do candidato do PSB, Ricardo Coutinho, dentre eles, uma filha do deputado estadual Manoel Ludgério e um jovem identificado por Sancler, preso recentemente em Campina na chamada Máfia dos Hackers.

O coordenador e um amigo jantavam com os vereadores Marcos Raia (PDT) e Alcides da Weider (PRP), no Restaurante Campina Grill, local do incidente, por volta das 20h30.

Wellington Roberto, segundo o advogado Sérgio Oliveira, que jantava com a filha em uma mesa ao lado, foi vítima nesta história, pois estava tranquilamente com os dois vereadores e uma outra pessoa: “Num dado momento chegam os militantes de Ricardo, procedentes da carreata e sentaram próximo ao deputado. A todo instante eles ficaram insultando o deputado, com pilhérias e palavras agressivas. Vi quando as pessoas ligadas a Ricardo partiram pra cima do deputado, o agrediram fisicamente e ainda deram um soco no rosto de Marcos Raia”, disse Sérgio.

Foi necessária a intervenção dos seguranças do restaurante para evitar que algo de mais grave acontecesse. As Polícias Militar e Civil foram chamadas ao local, mas os acusados fugiram.

Até mesmo o comandante do II Batalhão de Polícia Militar, Tenente Coronel Sobreira esteve no local, além da perícia da Polícia Civil que fotografou todo o local do incidente, mas as cadeiras já haviam sido postas no lugar.

O circuito interno do restaurante gravou as cenas e serão usadas para uma possível representação que será feita pelas vítimas na manhã desta segunda-feira, 25. Até às 22h de ontem nenhuma queixa havia sido feita na Polícia Civil. Delegados de Polícia que estavam atuando na região também foram ao local e tiveram acesso às imagens.

Integrantes da Coligação "Paraíba Unida" estiveram no restaurante para prestar solidariedade ao deputado e aos vereadores agredidos.

Tags

Leia tudo sobre o tema e siga

MAIS LIDAS

Banco do Nordeste nomeia novo superintendente na Paraíba

Prefeito paraibano fala de “infelicidade” de ter filhos autistas e servidora acrescenta: “São doidos”

Anteriores

Foto: Tomaz Silva/Agência Brasil

Dupla é presa em flagrante ao tentar assaltar posto de combustíveis em Bayeux

caminhao tombamento catingueira

Caminhão sai da pista e tomba na BR-361, no Sertão da Paraíba

plastic premium

Cirurgias reparadoras pós-bariátrica: para quem são indicadas e quais as mais comuns

Chuva-e-transito-Epitacio-Pessoa_120613NalvaFigueiredo-02-scaled

Inmet emite alerta de acumulado de chuvas para João Pessoa e outros 24 municípios paraibanos

padre-egidio

Audiência de instrução do caso Padre Zé é adiada mais uma vez

12-07-2024-contrato-canva1

MPPB ajuíza ação de improbidade contra ex-prefeito, seu filho e três servidores públicos

WhatsApp Image 2024-07-12 at 12.25.35

Mônica Sousa, a inspiração da Turma da Mônica, estreia no Imagineland 2024 em João Pessoa no dia 28

Os Três Porquinhos (2)

Arretado Produções lança Projeto “Aqui e Ali tem Teatro” em parceria com o Colégio Interactivo

shutterstock_388657213

Em um ano, MPPB atuou em 7,8 mil processos para proteger crianças e adolescentes

Brasil-Paraiba-Joao-Pessoa-Praia-de-Tambau-2

Praias da Grande João Pessoa estão próprias para banho durante fim de semana