Volta, Lula tem ao menos 13% de apoio na bancada do PT

Volta, Lula tem ao menos 13% de apoio na bancada do PT
 
Para o ex-presidente Lula, as notícias de que petistas teriam preferência por sua candidatura em detrimento à da presidente Dilma Rousseff não passam de "boataria".
 
Entretanto, levantamento feito pela Folha com as bancadas do partido na Câmara e no Senado mostra que a situação não é consenso entre os congressistas.
 
Dos 101 deputados e senadores petistas atualmente em exercício, 13 dizem preferir o nome de Lula para a disputa eleitoral deste ano.
 
A reportagem ouviu, entre quarta e sexta-feira, 80 congressistas petistas, que informaram suas preferências sob condição de anonimato. Os outros 21 não foram localizados nesse período.
 
Dentre os ouvidos, Dilma é a candidata preferida por 75%, enquanto Lula tem apoio de 16%. Os 9% restantes se recusaram a explicitar seus posicionamentos.
 
Ainda que haja um desejo pelo retorno do ex-presidente dentro da bancada petista, poucos acreditam que o partido, hoje, mudaria os rumos da campanha presidencial.
 
Mesmo aqueles que gostariam de ver Lula na disputa pelo Planalto afirmam que essa opção não está em discussão pelo partido no momento. Dos entrevistados, apenas três dizem acreditar na volta do ex-presidente em 2014.
 
Segundo pesquisa mais recente do Datafolha, divulgada no último fim de semana, a aprovação ao governo Dilma caiu de 41% para 36% desde o final de fevereiro.
 
Suas intenções de voto caíram de 44% para 38% em cenário de disputa com Aécio Neves (PSDB) e Eduardo Campos (PSB).
 
Na terça-feira, Lula deu entrevista em que negou intenção de se candidatar à Presidência. "Eu já cumpri minha tarefa, já me dou por realizado", disse.
 
Em setores do PT, a avaliação é de que a volta do ex-presidente só se viabilizaria por uma pressão externa ao partido, como de segmentos da economia e da militância.
 
O líder do PT na Câmara dos Deputados, Vicentinho (SP), afirmou que a volta de Lula não está no horizonte da sigla neste ano.
 
"Eu desejaria que 100% do PT no Congresso Nacional declarasse apoio a Dilma, porque é uma decisão já consolidada", disse.
 
 

Folha Online
 

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.