Vital Filho defende que Lula se licencie do cargo para se dedicar à campanha

O deputado federal Vital do Rego Filho (PMDB-PB) está defendendo que o presidente Luis Inácio Lula da Silva (PT) se licencie do cargo, no período de três meses correspondentes à campanha eleitoral deste ano, para se dedicar ao pleito, nos estados. A posição de Vital Filho, que é vice-líder do governo na Câmara, foi externada durante reunião de líderes.
 
Segundo Vital Filho, a defesa do afastamento do presidente já é ponto de consenso entre os peemedebistas. “Na reunião nós debatemos este ponto e ficou decidido que o PMDB vai levar a sua sugestão ao presidente, para que ele se sinta mais à vontade para se dedicar à campanha, nos estados”, afirmou.
 
O parlamentar paraibano disse entender que o presidente Lula deve se licenciar do cargo, levando em consideração o seu poderio político e considerando que o país ficará em boas mãos. “Nós temos um vice-presidente que está em tratamento de saúde, mas a cada dia esbanja mais vigor e disposição para o trabalho. Então, o presidente Lula pode ter certeza de que o país estará bem cuidado”, disse.
 
Vital Filho lembrou que o presidente Lula será bastante requisitado, durante a campanha, para comparecer aos estados, externando seu apoio aos candidatos do PT e do PMDB, partidos que estarão coligados na campanha.
 
Segundo Vital Filho, que é pré-candidato a Senador nas eleições deste ano, o presidente Lula e o prefeito de Campina Grande, Veneziano Vital do Rego são “os dois maiores cabos eleitorais que o governador José Maranhão terá, em sua campanha de reeleição.

TAGS

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.